Château de Chambord - França © Viaje Comigo
Publicado em Novembro 29, 2020

Mapas de França e locais a visitar

Europa/ França [ Mapas ]

A última vez que andei de carro em França, o GPS falhou-me algumas vezes e foi aí que fiquei feliz de ainda ter mapas em papel, para me guiar! França é sinónimo de elegância, haute couture, castelos extraordinários, vinhos… champagne e romance. Mas é também muito mais do que isso! A sua gastronomia, considerada Património Imaterial da Humanidade, é um dos grandes motivos de orgulho do país. Os queijos, o champagne, os scargots, o foie gras e as doçarias como os macarons, o crème brûlée e os croissants são algumas (das muitas) iguarias tradicionais.

Foto: Pixabay

Foto: Pixabay

Paris, a capital, na região de Ile de France, é o local do país mais procurado por turistas de todo o mundo. Outro dos locais mais procurados por turistas é a Riviera Francesa, ou Côte d’Azur, banhada pelo Mar Mediterrâneo, e que engloba cidades como Marselha, Nice e Cannes – onde se realiza o famoso festival de cinema. Não podemos esquecer o Vale do Loire e os seus famosos castelos, a Normandia e a Bretanha… e não ficámos por aqui, porque em França todas as regiões têm bonitos motivos para serem visitadas.

Torre Eiffel, Paris

Torre Eiffel, Paris © Viaje Comigo

mapa-metro-paris

Mapa metro de Paris

A França faz fronteira com seis países e um principado: Bélgica e Luxemburgo, a norte; Alemanha, Suíça e a Itália, a este; e com a Espanha, e Andorra, a sul.

Mapa de França © Google

Mapa de França © Google

Em 2015, França passou de 22 para 13 regiões administrativas metropolitanas – incluindo a ilha de Córsega – mais 5 regiões ultramarinas.

As 13 regiões administrativas metropolitanas de França:
– Auvergne – Rhône-Alpes
– Bretagne (Brittany)
– Bourgogne – Franche-Comté
– Corse (Corsica)
– Centre – Val de Loire
– Grand Est (Alsace, Champagne, Lorraine)
– Hauts de France ( Nord Pas-de-Calais – Picardie)
– Ile de France (Paris)
– Nouvelle Aquitaine (Aquitaine, Poitou-Charentes, Limousin)
– Normandie
– Occitanie (Midi-Pyrénées, Languedoc)
– Pays de la Loire
– Provence – Cote d’Azur

Os territórios ultramarinos de França:
– Mayotte (África)
– Réunion (África)
– Guiana Francesa (América do Sul)
– Guadalupe (Caraíbas)
– Martinica (Caraíbas)

Mapa de França © regions de france

Mapa de França © regions de france

Mapa Norte de França © Google

Mapa Norte de França © Google

A ilha de Córsega, está situada muito perto da Sardenha e do território Italiano continental, em pleno Mediterrâneo. Apesar de não ser de grande dimensão, tem uma grande panóplia de cenários. É bastante montanhosa, com densas florestas e claro, diferentes cidades costeiras. É muito procurada para férias de grande conexão à natureza, seja para passeios nas montanhas ou para relaxar nas praias de águas cristalinas e de areia fina ou embrenhar-se nos desportos náuticos. Aconselha-se a alugar um carro, para melhor explorar a ilha e visitá-la entre maio e setembro, quando as temperaturas são mais amenas e convidativas.

Mapa de Corsega © Google Maps

Mapa de Corsega © Google Maps

Mónaco: este principado não pertence a França, contudo, está inserido na Riviera Francesa, daí a sua menção. Este estado soberano faz fronteira com a França – a norte, este e oeste – tendo a sul o mar mediterrâneo. O segundo país mais pequeno do mundo é sinónimo de luxo, muitos iates, boas praias e restaurantes esplendidos. O aeroporto mais próximo é o Aeroporto Internacional de Nice-Côte d’Azur e daqui tem comboios (cerca de 20 minutos de viagem) ou pode alugar um carro, que demora cerca de 30 minutos.

Mapa Monaco © Google

Mapa do Mónaco © Google

Além de Paris, o Viaje Comigo apaixonou-se por muitas áreas menos exploradas de França. Locais pitorescos com castelos, muita natureza e história.

Conques, Aveyron, França @ Viaje Comigo

Conques, Aveyron, França @ Viaje Comigo

Deixamos aqui alguns destaques dos nossos passeios:

– Aveyron
No sul de França, em Midi-Pyrénées, descobrimos Aveyron. Aqui explorámos vilas e aldeias que escapam às rotas mais turísticas mas que valem muito a pena ser visitadas, como:
Conques
Laguiole
Estaign
Espalion
Saint-Geniez d’Olt
Saint Eulalie d’Olt
Millau
Roquefort-sur-Soulzon

Em Aveyron, ficámos no Hotel Relais du Silence Chateau de la Falque, em Saint-Geniez-dʼOlt.

Saint-Geniez-d’Olt, Aveyron, França © Viaje Comigo

Saint-Geniez-d’Olt, Aveyron, França © Viaje Comigo

Mapa Sul de França © Google

Mapa Sul de França © Google

Vale do Loire
Esta zona é conhecida pelos extraordinários castelos que refletem uma época de refúgio para a nobreza francesa, principalmente nos séculos XV e XVI, e a ligação a uma figura incontornável da história francesa, Joana D’Arc. Numa viagem de 5 dias de carro no Vale, visitámos uns quantos castelos:

Château de Meung-sur-Loire
Château d’Azay-le-Rideau
Château Chaumont-sur-Loire
Château de Chambord
Château de Cheverny
Château du Rivau
Château de l’Aulée
Château de Villandry

Château de Chambord - França © Viaje Comigo

De barco no canal do Château de Chambord – França © Viaje Comigo

Mapa com regiões de França - Foto: Pixabay

Mapa com regiões de França – Foto: Pixabay

Ainda na zona do Vale do Loire, visitámos:
Orleães: a 120km de Paris temos a cidade que Joana D’Arc libertou de um cerco, durante a Guerra dos Cem Anos, por isso, espere vê-la por toda a cidade. Há muito a visitar, sugestões para comer bem e onde ficar a dormir.

Cidade de Orleães, Vale do Loire, França © Viaje Comigo

Cidade de Orleães, Vale do Loire, França © Viaje Comigo

Mapa de Orléans © Google

Mapa de Orléans © Google

Tours: a outrora a capital francesa, apresenta-se com uma forte presença do charme medieval e um toque de animação e modernidade. Temos sugestões do que visitar no centro, onde comer e alojamento.

– Chédigny: visitamos esta graciosa aldeia na altura mais agitada do ano, no Festival de Rosas de Chédigny.

Festival de Rosas de Chédigny, França

Festival de Rosas de Chédigny, França

Nantes: na capital de Loire-Atlantique, na região Pays de la Loire, sente-se a presença de Julio Verne em todos os recantos, uma vez que aqui nasceu. Visitámos, inclusive, as Máquinas da Ilha de Nantes, uma aérea inspirada nas suas obras. Veja aqui onde ficar.

Nantes à noite © Viaje Comigo

Nantes à noite © Viaje Comigo

Mapa Nantes © Google

Mapa Nantes © Google

Paris: é, indubitavelmente, uma das nossas cidades preferidas! Sem querer cair em clichés, há que admitir que é uma das cidades mais românticas e com uma magia muito sui generis.
Das nossas inúmeras visitas, sugerimos um passeio de barco pelo Sena para se envolver no encanto da capital.
Alguns dos nossos locais e pontos de atração favoritos são:
– o Canal Saint-Martin;
– uma visita (com tempo) ao Louvre;
– subir ou simplesmente admirar a Torre Eiffel;
Hôtel National des Invalides;

Entre muitos outros que pode descobrir aqui.

Não sendo uma cidade barata, temos dicas de atividades e locais visitar gratuitamente para que não perca nada. Fique também com informações sobre alojamentos em Paris.

Vista da Torre Eiffel, Paris © Viaje Comigo

Vista da Torre Eiffel, Paris © Viaje Comigo

Mapa Aeroportos Paris © Google

Mapa Aeroportos Paris © Google

– Disneyland Paris: a 32 km de Paris, em Chessy, temos um mundo mágico dos filmes da nossa infância, da infância dos nossos filhos e com atividades para toda a família. Os carrosséis, os desfiles, os espetáculos, fogo de artificio, entre muitas outras coisas, fazem deste local uma atração intemporal para todas as idades. Mais informações aqui.

Mapa Disneyland Paris © Google

Mapa Disneyland Paris © Google

Bretanha: no noroeste de França, encontramos esta região com uma cultura muito particular, de influência Celta, e de paisagens magnificas. A sua costa estende-se pelo Canal da Mancha e o oceano Atlântico, o que atrai muitos turistas na época balnear. Aqui experienciámos o Festival de Fotografia em La Gacilly, uma vila pitoresca, e ficámos no Grée des Landes – Eco-hotel Spa Yves Rocher.

Mais informações sobre França aqui.

Boas viagens!

La Gacilly, Bretanha, França

La Gacilly, Bretanha, França

Mapas de França © Viaje Comigo

Mapas de França © Viaje Comigo

Comentários

Poderá também gostar de

Regressar ao topo