Restaurante Prometheus Epic Hotel & Spa - Imereti - Georgia © Viaje Comigo
Publicado em Junho 17, 2022

Viagem pela Gastronomia da Geórgia

Europa/ Gastronomia/ Geórgia

A Geórgia é um país com uma riqueza cultural impressionante, e a sua gastronomia prova isso mesmo, atraindo muitos turistas. A comida georgiana é uma conjunção de sabores Mediterrâneos e do Médio Oriente, sendo muito importante o uso dos ingredientes sazonais e frescos.
Se já leram o artigo sobre Viajar para a Geórgia e “O que visitar em Tbilisi”, sabem que o povo georgiano adora lendas e tem várias acerca de alguns dos seus monumentos e história. Com a gastronomia, não é diferente.

Oda Family Marani, winery Martvili - Geórgia © Viaje Comigo

Queijo derretido e ovo – Oda Family Marani, winery Martvili – Geórgia © Viaje Comigo

Restaurante Prometheus Epic Hotel & Spa - Imereti - Georgia © Viaje Comigo

Restaurante Prometheus Epic Hotel & Spa – Imereti – Georgia © Viaje Comigo

A comida é tão deliciosa que, conta a lenda, quando “Deus estava a criar o mundo, fez uma pausa para comer e tropeçou nas montanhas do Cáucaso, deixando cair parte da comida, tornando esta terra abençoada pelos restos da comida celestial”.

O povo georgiano, à semelhança do povo português, gosta de uma mesa farta e do “bem receber”, colocando muita dedicação e amor na cozinha. Bem, na verdade, acho que eles colocam sempre muita comida na mesa! E acham sempre estranho que a gente não coma tudo!

Jantar Sairme Hotel & Resort - Georgia © Viaje Comigo

Jantar Sairme Hotel & Resort – Georgia © Viaje Comigo

A culinária da Geórgia baseia-se numa grande variedade de carnes, vegetais, e algum peixe (como a truta, o bagre e a carpa), porém, o que a torna realmente especial, são os temperos. Eles usam várias ervas aromáticas, malagueta, sementes de romã e alguns ingredientes específicos como nozes, queijos e picles.

Gaioz Sopromadze Wine Cellar - Georgia © Viaje Comigo

Gaioz Sopromadze Wine Cellar – Georgia © Viaje Comigo

A Geórgia é considerada “o berço do vinho”, ou “a mãe do vinho”, por se tratar do mais antigo produtor de que se tem evidências. Este país situa-se no leste da Europa, nas montanhas do Cáucaso, com um terreno próspero, adornado com diversos rios de água cristalina e clima propício. Tudo isto faz da Geórgia, ainda hoje, um local excelente para a produção de vinho. Leia mais sobre a História, processos de vinificação e algumas curiosidades sobre os vinhos da Geórgia.

Restaurante Z10 - Tbilisi - Georgia © Viaje Comigo

Restaurante Z10 – Tbilisi – Georgia © Viaje Comigo

Restaurante Z10 - Tbilisi - Georgia © Viaje Comigo

Restaurante Z10 – Tbilisi – Georgia © Viaje Comigo

PRATOS TÍPICOS DA GASTRONOMIA DA GEORGIA

Khachapuri – o prato mais tradicional da Geórgia
Este é o prato que se oferece sempre a um convidado na Geórgia… e por isso comi todos os dias, duas vezes ao dia. E como gosto de queijo, nunca me fartei! Trata-se de uma espécie de pão recheado com queijo e cada região tem o seu tipo de preparação. Apresenta-se com uma forma retangular ou circular, sendo os mais comuns o Imeretian (recheado com diferentes tipos de queijo georgiano) e o Megrelian (que tem mais queijo e vem do Samegrelo – região da Geórgia ocidental).

Khachapuri - Oda winery Martvili - Georgia © Viaje Comigo

Khachapuri – Oda winery Martvili – Georgia © Viaje Comigo

Khachapuri - Oda winery Martvili - Georgia © Viaje Comigo

Khachapuri – Oda winery Martvili – Georgia © Viaje Comigo

Khinkali – bolinhos de sopa
O Khinkali é outros dos pratos extremamente característicos e que pode encontrar em qualquer restaurante. São bolinhos de farinha, recheados com uma mistura de cordeiro, porco ou carne. Também existe Khinkali com cogumelos, batatas, e queijo cottage, ideal para vegetarianos.

Restaurante Z10 - Tbilisi - Georgia © Viaje Comigo

Restaurante Z10 – Tbilisi – Georgia © Viaje Comigo

Lobio – o feijão torna-se uma iguaria
O feijão é outro dos ingredientes muito característicos da Geórgia. O Lobio é um prato de feijão, em que o sabor está no tempero e conjunto de especiarias usadas. Este é um dos segredos mais bem guardados da gastronomia georgiana, mas poderá levar também nozes, coentros e alho.

Feijão - Restaurante Kera - Mtskheta - Georgia © Viaje Comigo

Feijão – Restaurante Kera – Mtskheta – Georgia © Viaje Comigo

Kharcho (sopa de carne)
É considerada a sopa nacional da culinária da Geórgia. Confecionada com carne de vaca, nozes e ameixa azeda, engrossada com farinha ou arroz, e aromatizada com um tempero especial e elaborado. A receita pode variar um pouco, dependendo da região.

Caldo de carne - restaurante Prometheus Epic Hotel & Spa - Imereti - Georgia © Viaje Comigo

Caldo de carne – restaurante Prometheus Epic Hotel & Spa – Imereti – Georgia © Viaje Comigo

Muzhuzhi
É mais um dos petiscos típicos da Geórgia. Confecionado com patas, orelhas e rabos de porco cozidos e adicionados a uma preparação, que pode ou não conter carne de porco. Cozinha-se também com vegetais e condimentos, vinagre e vinho tinto. O caldo de cozer as patas e as orelhas forma uma espécie de gelatina, em que se serve este prato.

Mtsvadi – carne grelhada
Diz-se que este é um prato obrigatório para o “supra” (mesa) georgiano. É uma espécie de churrasco, confecionado com várias carnes muito bem temperadas. Os georgianos gostam muito de atividades ao ar livre, como tal, este tipo de refeição é muito característico nas casas georgianas.

Restaurante Prometheus Epic Hotel & Spa - Imereti - Georgia © Viaje Comigo

Restaurante Prometheus Epic Hotel & Spa – Imereti – Georgia © Viaje Comigo

Restaurante Prometheus Epic Hotel & Spa - Imereti - Georgia © Viaje Comigo

Carne grelhada – Restaurante Prometheus Epic Hotel & Spa – Imereti – Georgia © Viaje Comigo

Badrijani
Apesar de se comer muita carne e algum peixe na Geórgia, também existem diversos pratos extremamente bem confecionados e ideais para vegetarianos. Como por exemplo o Badrijani – beringela recheada com uma pasta de nozes.

Sulguni
Outra iguaria vegetariana. Trata-se de queijo frito em manteiga, com beringela em picles e tomate verde, recheados com pasta de nozes e temperadas com vinagre, romã e ervas aromáticas.

Tkemali
Este é o molho característico da Geórgia e que serve para acompanhar vários pratos de carne. É um molho de ameixa com um travo meio azedo.

Elarji
Um puré de polenta, delicioso, misturado com queijo. Uma das minhas perdições na Geórgia.

Elarji - Oda Family Marani, winery Martvili - Geórgia © Viaje Comigo

Elarji – Oda Family Marani, winery Martvili – Geórgia © Viaje Comigo

Elarji - Oda Family Marani, winery Martvili - Geórgia © Viaje Comigo

Elarji – Oda Family Marani, winery Martvili – Geórgia © Viaje Comigo

Mchadi
O Mchadi, pode ser usado para acompanhar vários pratos. São panquecas de farinha de milho assadas em panela de barro (também chamadas de “ketsi”).

Puri – o pão da Geórgia
Não poderia deixar de indicar o famoso pão georgiano, feito num forno redondo tradicional.

Dolma
Rolos feitos com a folha da videira, recheados de arroz e carne picada temperada. Muito bom. São servidos em quase todos os restaurantes, mas os sabores vão variando.

Dolma - Restaurante Ethnographer - Tbilisi - Georgia © Viaje Comigo

Dolma – Restaurante Ethnographer – Tbilisi – Georgia © Viaje Comigo

Tarte de arroz e estragão
Este prato é também muito típico da culinária georgiana. É uma tarte de massa folhada, preparada com estragão, arroz, ovos e outros ingredientes. O estragão é amplamente usado na gastronomia georgiana, servindo até para fazer uma bebida alcoólica típica no país. Saiba mais.

Churchkhela – doce nacional da Geórgia
Preparado com sumo de uva, nozes e farinha, transformados em “colares”, que depois se deixam secar (o formato lembra uma vela). É servido quando está totalmente seco, ou até alguns dias depois de ficar pendurado a secar mais.

Churchkhela - Georgia

Churchkhela – Georgia

Dióspiros secos
Sendo o meu fruto preferido, os dióspiros aqui ganham uma nova vida depois da sua época: secam e ficam prontos a comer. A parte branca que se vê, não é bolor, mas sim o açúcar do fruto. Geralmente são vendidos ainda nos fios onde os colocaram a secar. Fiquei fã e trouxe quase um quilo comigo.

Diospiro seco - Georgia © Viaje Comigo

Diospiro seco – Georgia © Viaje Comigo

Comentários

Poderá também gostar de

Regressar ao topo