Susana Ribeiro em Castelo Rodrigo - Aldeia Histórica Portugal © Viaje Comigo Susana Ribeiro em Castelo Rodrigo - Aldeia Histórica Portugal © Viaje Comigo
Publicado em Maio 9, 2020

Portugal: casas de turismo para continuar a trabalhar… fora de casa

Alojamento/ Notícias/ Portugal

Depois do confinamento, trabalhar a partir de casa, ter os miúdos a estudarem em casa… há quem já só pense em abandonar as casas!… Procuram nova conexão com a natureza, locais seguros para trabalharem e simplesmente poderem mudar de “ares”, com o privilégio de terem agora uma casa perto do rio, com piscina, perto de trilhos e de uma floresta, etc. E por Portugal inteiro existem alojamentos incríveis – casas de turismo rural, mas também hotéis, pousadas, etc. – que estão a preparar-se para nos receberem novamente! – agora com as novas regras que a Covid-19 obriga. Eles vão ser a segunda casa de muitos portugueses nos próximos tempos. Vamos, Portugal!

No texto abaixo indico algumas sugestões de locais, onde já estive alojada, onde voltaria sem pensar duas vezes. Eu sei que nos assolam muitas questões: estará a casa desinfectada?; estarão os meus filhos em segurança?; podemos cozinhar?; tem internet suficiente para os miúdos terem as aulas e eu trabalhar?? Mas não há como falar diretamente com os responsáveis dos espaços e colocarem todas as vossas dúvidas. Mais do que nunca, o turismo português precisa de nós e todos juntos podemos ajudar-nos uns aos outros!

Castelo Novo - Aldeia Histórica de Portugal © Viaje Comigo

Susana Ribeiro em Castelo Novo – Aldeia Histórica de Portugal © Viaje Comigo

De todas as visitas que tenho feito, nos últimos anos, a alojamentos em Portugal – selecionei apenas alguns, mediantes algumas características – achei que devia dar prioridade àqueles onde podemos manter a nossa privacidade e independência. Têm cozinhas, ou churrascos, onde podemos fazer as nossas refeições (também pode ver se há take aways em redor; alguns têm restaurantes e funcionam com take away); têm espaço para os mais novos correrem e brincarem; têm espaço para trabalhar e estudar nas casas; têm boa ligação à internet para poder fazer as aulas e o trabalho online.

Já todos sabemos que 2020 foi um ano que veio mudar tudo nas nossas vidas, mas vamos tentar dar-lhe também uma volta, no que pudermos. Se somos obrigados a ficar em casa, ao menos que aproveitem para unir o útil ao agradável – se tiverem possibilidades económicas para o fazerem – ou seja, mudarem-se nas férias para alojamentos de turismo – ajudando assim muitas empresas e negócios familiares.

Praia da Amália - Brejão - Alentejo - Portugal © Viaje Comigo

Praia da Amália – Brejão – Alentejo – Portugal © Viaje Comigo

Clique em cada um dos locais para saber mais sobre os mesmos. Mas, poderá falar diretamente com os proprietários de forma a questionar sobre a velocidade da internet, medidas de limpeza, etc. Tenham também a ideia de que muitos locais têm diferentes tipos de alojamentos, alguns com e outros sem cozinha; alguns só quartos, outros com casas completas. Certifiquem-se de que estão a alugar o que vos interessa.

Lembrem-se também que os cuidados que se têm de ter não são só para se proteger, mas para proteger outros também. Continue a ter o mínimo contacto possível com outras pessoas – você pode ser assintomático e passar o vírus a pessoas de risco – tal como mandam as directrizes da Direção-Geral de Saúde (DGS).

Ah e se não têm internet, poderá levar internet móvel consigo, mas certifique-se que tem boa rede. Tenham atenção que muitos locais poderão ainda não estar aptos a receber novamente turistas, mas em breve estarão e podem já reservar para o futuro.

No ano passado andei a descobrir novos locais pela Beira Baixa, revisitei as (lindas) Aldeias Históricas de Portugal, morei um mês numa pequena aldeia (do Juízo) do concelho de Pinhel, fui para o (meu querido) Algarve e explorei a costa alentejana, com uma autocaravana. Este ano, vou dedicar-me novamente, mas ainda com mais força, ao turismo nacional!

– Veja também:

Alojamentos com piscina ao ar livre em Portugal
Alojamentos com Piscinas ao Ar Livre no Alentejo

Casas do Côro - Marialva - Portugal © Viaje Comigo

Piscina e vista das Casas do Côro – Marialva – Portugal © Viaje Comigo

Sortelha - Aldeia Histórica de Portugal © Viaje Comigo

Sortelha – Aldeia Histórica de Portugal © Viaje Comigo

Casas de Alpedrinha, Fundão, Castelo Branco

São 10 as casas que podem ser alugadas e estão totalmente equipadas. Há para duas, quatro, ou mais pessoas, com T2 e sofás-cama, com cozinha equipada e o pequeno-almoço está incluído, com a entrega dos produtos nas casas. A Quinta do Anjo da Guarda, onde estão as Casas de Alpedrinha, tem uma piscina considerada o ex-libris da região (muito grande, das maiores do interior) que tem água que vem na nascente da Serra da Gardunha… fresquinha, portanto.
Tem também o restaurante Papo d’Anjo que serve um menu take away, para que possa comer na sua casa, se desejar. Mais informação, aqui.

Casas de Alpedrinha - Fundão - Portugal ©Viaje Comigo

Casas de Alpedrinha – Fundão – Portugal ©Viaje Comigo

Casas de Alpedrinha - Fundão - Portugal ©Viaje Comigo

Pequeno-almoço no jardim das Casas de Alpedrinha – Fundão – Portugal ©Viaje Comigo

Casas do Juízo, Pinhel, Guarda

Em 2019, vivi um mês na Aldeia do Juízo e fiquei alojada nas Casas do Juízo. Foi a partir de lá que trabalhei no website, tinha a minha própria cozinha, e podia ir passear nas redondezas, com passeios pedestres, longe de tudo.

No concelho de Pinhel, a freguesia de Juízo tem vindo a ser recuperada últimos anos. E as Casas do Juízo fazem parte desse plano, em tornar esta pitoresca aldeia beirã, que foi Villa Romana, num ponto de passagem dos viajantes do mundo inteiro. São oito casinhas tradicionais, apetrechadas com tudo o que precisa para descansar e gozar do bom silêncio desta aldeia do interior português. Alguns das casinhas têm lareira, para se aquecer no tempo frio. Saiba mais sobre este alojamento e sobre como reservar, aqui.

Aldeia do Juízo - Pinhel - Guarda - Portugal © Viaje Comigo

Aldeia do Juízo – Pinhel – Guarda – Portugal © Viaje Comigo

Casas do Juízo - Pinhel - Guarda - Portugal © Viaje Comigo

Casas do Juízo – Pinhel – Guarda – Portugal © Viaje Comigo

Caminhada no Carrascal - Aldeia do Juízo - Pinhel - Guarda - Portugal © Viaje Comigo

Caminhada no Carrascal – Aldeia do Juízo – Pinhel – Guarda – Portugal © Viaje Comigo

Casas do Juízo - Pinhel - Guarda - Portugal © Viaje Comigo.jpg

Casas do Juízo – Pinhel – Guarda – Portugal © Viaje Comigo.jpg

Casa das Talhas Casas do Juizo - Pinhel - Guarda - Portugal © Viaje Comigo

Casa das Talhas – Casas do Juízo – Pinhel – Guarda – Portugal © Viaje Comigo

Quinta da Bouça, Marco de Canaveses, distrito do Porto

A Quinta da Bouça tem diversas casinhas num local paradisíaco. No verão são as piscinas exteriores que chama os viajantes e, no inverno, as casas tornam-se ainda mais acolhedoras. Os alojamentos têm cozinhas e a própria Quinta inclui um bosque, onde pode fazer passeios. Porque notaram que, cada vez mais, os hóspedes ficavam nas casas, os proprietários decidiram criar piscinas privadas – porque quando aqui está calor… está mesmo calor! – e cada casa tem a sua pequena piscina com vistas deslumbrantes. Saiba mais sobre a Quinta da Bouça.

Vista da piscina da Casa do Sobreiro, Quinta da Bouca © Viaje Comigo

Vista da piscina da Casa do Sobreiro, Quinta da Bouca © Viaje Comigo

Casa do Sobreiro, Quinta da Bouca © Viaje Comigo

Casa do Sobreiro, Quinta da Bouca © Viaje Comigo

Esplanada na Quinta da Bouça Agroturismo © Viaje Comigo

Esplanada na Quinta da Bouça Agroturismo © Viaje Comigo

Na piscina da Casa do Sobreiro, Quinta da Bouca © Viaje Comigo

Na piscina da Casa do Sobreiro, Quinta da Bouca © Viaje Comigo

Quarto da Quinta da Bouça, Casa do Sobreiro © Viaje Comigo

Quarto da Quinta da Bouça, Casa do Sobreiro © Viaje Comigo

– Casa da Cisterna, Castelo Rodrigo

Na aldeia de Castelo Rodrigo, junto da antiga cisterna, que antes era o depósito de água desta aldeia, surgiu a Casa da Cisterna. Na verdade, são já três agrupamentos de casas, com vários quartos, salas, e todos os serviços necessários para acomodar quem vai conhecer Castelo Rodrigo e a região. Existem casas com salas de estar, de jantar, cozinhas, todos os quartos têm casa de banho privada, e ainda existe uma sala comum onde são feitas as refeições. Além do pequeno-almoço, almoço e jantar, a Casa da Cisterna providencia cestas para piqueniques e também refeições mais ligeiras e petiscos. Leia mais.

Casa da Cisterna - Castelo Rodrigo - Portugal © Viaje Comigo

Casa da Cisterna – Castelo Rodrigo – Portugal © Viaje Comigo

Casa da Cisterna - Castelo Rodrigo - Portugal © Viaje Comigo

Sala de jantar na casa do meu quarto – Casa da Cisterna – Castelo Rodrigo – Portugal © Viaje Comigo

Casa da Cisterna - Castelo Rodrigo - Portugal © Viaje Comigo

Casa da Cisterna – Castelo Rodrigo – Portugal © Viaje Comigo

Prazer da Natureza Resort, Vilar de Mouros, Caminha

Cada bungalow (villa) está climatizado e pode ter um ou dois quartos, com casa de banho privativa, área de estar com televisão e uma kitchenette equipada. Os modernos apartamentos estão no edifício principal e têm também cozinha e um terraço com vista para o resort. Leia mais.

Piscina do Prazer da Natureza © Viaje Comigo

Piscina do Prazer da Natureza, Vilar de Mouros © Viaje Comigo

Prazer da Natureza © Viaje Comigo

Prazer da Natureza © Viaje Comigo

Prazer da Natureza © Viaje Comigo

Prazer da Natureza © Viaje Comigo

Quinta dos Padres Santos, Gouviães, Tarouca

Em terras durienses, Quinta dos Padres Santos tem várias formas de alojamento: quartos na casa principal, dois moinhos transformados em pequenas e pitorescas casinhas e villas com várias camas, possíveis de alojar uma família inteira. As casas têm cozinha e, por isso, pode fazer lá também a sua vida normal com a família. Tem piscina e sala de jogos e, além dos eus jardins, tem redondezas perfeitas para caminhadas. Saiba mais, aqui.

Quarto da Quinta dos Padres Santos

Quinta dos Padres Santos © Viaje Comigo

Viaje Comigo na Quinta dos Padres Santos © Viaje Comigo

Viaje Comigo na Quinta dos Padres Santos © Viaje Comigo

Madre de Água Hotel Rural, Gouveia

Apesar de este ser um hotel rural, o Madre de Água também tem casinhas, com cozinha. Fica a cerca de 20 minutos, de carro, da Torre da Serra da Estrela, e tem uma quinta enorme a envolver as casinhas e o edifício principal. “É um hotel rural mas o facto de ter poucos quartos – 8 quartos duplos, 2 suites e 2 apartamentos (mais afastados da casa principal), todos elegantemente decorados e com camas muito confortáveis – faz com que sejamos tratados como reis. Não há multidões a tomar pequeno-almoço, a fazer barulho… no Madre de Água Hotel Rural, tudo é relaxante”. Saiba mais.

Madre de Água Hotel Rural - Vinhó, Gouveia © Viaje Comigo

Madre de Água Hotel Rural – Vinhó, Gouveia © Viaje Comigo

Madre de Água Hotel Rural - Vinhó, Gouveia © Viaje Comigo

Quarto do Madre de Água Hotel Rural – Vinhó, Gouveia © Viaje Comigo

Madre de Água Hotel Rural - Vinhó, Gouveia © Viaje Comigo

Cozinha do apartamento do Madre de Água Hotel Rural – Vinhó, Gouveia © Viaje Comigo

Moinhos de Ovil, Baião, distrito do Porto

Em Baião, os Moinhos de Ovil transformaram moinhos em habitações: têm quarto, cozinha, casa de banho e sala. Tudo com uma decoração moderna, rústica  e muito romântica. É impossível não se ficar apaixonada por este sítio, junto ao rio Ovil. E o melhor é que, apesar de ter duas casas, a privacidade é muito valorizada e, por isso, só cedem o espaço como um todo, como se fosse para uma só pessoa, ou uma família, ou grupo de amigos.

Moinhos de Ovil, Baião, Portugal © Viaje Comigo

Moinhos de Ovil, Baião, Portugal © Viaje Comigo

Parque Biológico de Vinhais

Ficámos instalados num bungalow com quatro quartos, duas casas de banho, uma cozinha e uma mini-sala com mesa de jantar e sofá. Os quartos são espaçosos, as camas confortáveis e com aquecedores em todas as divisões. No inverno chega a nevar nesta zona do país, mas no verão (que é muito quente) a piscina biológica, que está junto dos bungalows, é o refúgio refrescante de quem por aqui fica alojado. Pode levar compras e fazer as suas refeições no bungalow – tem assadores comunitários no exterior – mas se quiser tomar um típico pequeno-almoço regional pode fazê-lo no café do parque.
Leia mais.

Bungalows e pisicna no Parque Biológico de Vinhais © Viaje Comigo

Bungalows e pisicna no Parque Biológico de Vinhais © Viaje Comigo

Cozinha no Bungalow do Parque Biológico de Vinhais

Cozinha no Bungalow do Parque Biológico de Vinhais

Quarto no Bungalow do Parque Biológico de Vinhais © Viaje Comigo

Quarto no Bungalow do Parque Biológico de Vinhais © Viaje Comigo

– Alvão Village & Camping, Vila Pouca de Aguiar
O terreno do Alvão Village & Camping está dividido em duas partes: uma de campismo e outra com as casinhas de pedra. De fora, as casas castrejas podem parecer pequenas, mas são muito espaçosas – tendo diferentes tipologias, desde T1 (2 pessoas) a T3 (que pode acolher até 8 pessoas, porque tem quatro camas de casal). A minha era um T1, com quarto (cama de casal, guarda-roupa). Quando entra tem uma kitchnette (equipada com microonda, fogão, torradeira, fervedor e louça, tachos, etc para duas pessoas) e sofá, mesa para duas pessoas e televisão. A casa de banho é amplas e tem um chuveiro. No exterior, as casinhas têm uma mesa e bancos de pedra, para poder fazer as refeições cá fora quando o tempo estiver apetecível. Saiba mais, aqui.

Alvão Village & Camping, Vila Pouca de Aguiar © Viaje Comigo

Alvão Village & Camping, Vila Pouca de Aguiar © Viaje Comigo

Alvão Village & Camping, Vila Pouca de Aguiar © Viaje Comigo

Piscinas do Alvão Village & Camping, Vila Pouca de Aguiar © Viaje Comigo

Casa T1 do Alvão Village & Camping, Vila Pouca de Aguiar © Viaje Comigo

Casa T1 do Alvão Village & Camping, Vila Pouca de Aguiar © Viaje Comigo

Casa do Alpendre, Montesinho, Bragança

A Casa do Alpendre tem um alpendre de madeira virado para a rua principal. A casa abriu para o turismo, em agosto de 2014, e está decorada de forma contemporânea e equipada com aparelhos do mais moderno que existe. A casa tem dois pisos e cinco quartos: todos grandes e cada um com a sua casa de banho privativa. Leia mais.

Casa do Alpendre © Viaje Comigo

Casa do Alpendre © Viaje Comigo

Cozinha da Casa do Alpendre

Casa do Alpendre © Viaje Comigo

Casa do Alpendre © Viaje Comigo

Casa do Alpendre © Viaje Comigo

Montebelo Aguieira Lake Resort & Spa, Mortágua

As casas do Montebelo Aguieira Lake Resort & Spa – em apartamento ou vivenda – estão totalmente equipadas (incluindo as cozinhas com tudo o que precisa), tal como se estivesse em sua casa, e cada uma tem uma garagem para estacionar o seu carro. Leia mais.

Vivenda do Montebelo Aguieira Lake Resort & Spa © Viaje Comigo

Vivenda do Montebelo Aguieira Lake Resort & Spa © Viaje Comigo

Sala da vivenda do Montebelo Aguieira Lake Resort & Spa

Sala da vivenda do Montebelo Aguieira Lake Resort & Spa

Um dos quartos no Montebelo Aguieira Lake Resort & Spa

Um dos quartos no Montebelo Aguieira Lake Resort & Spa

Monte Santo Resort, Carvoeiro, Lagoa
Os apartamentos são incríveis! O nosso estava inserido na Club House, logo à entrada do aldeamento, no primeiro piso, e tínhamos vista para a piscina, para os lagos e jardins circundantes. O apartamento está equipado com cozinha completa, duas casas-de-banho, uma sala de estar/jantar, e o quarto também tinha varanda. Leia mais.

Monte Santo Resort © Viaje Comigo

Monte Santo Resort © Viaje Comigo

Monte Santo Resort © Viaje Comigo

Monte Santo Resort © Viaje Comigo

Monte Santo Resort © Viaje Comigo

Monte Santo Resort © Viaje Comigo

– Casal de Tralhariz, Carrazeda de Ansiães, distrito de Bragança

A norte de Portugal, em Carrazeda de Ansiães, o Casal de Tralhariz é um pequeno refúgio, perfeito para relaxar, rodeado pela bonita paisagem transmontana. Já passaram muitos anos, do tempo em que lá estive alojada, mas é daqueles locais que não se esquecem e principalmente não se esquece a simpatia com que somos recebidos. Alguns quartos têm kitchenete, onde pode cozinhar. Mais informação sobre o Casal de Tralhariz: leia aqui.

Casal de Tralhariz, Carrazeda de Ansiães © Viaje Comigo

Casal de Tralhariz, Carrazeda de Ansiães © Viaje Comigo

Estúdio - Casal de Tralhariz - DR

Estúdio – Casal de Tralhariz – DR

– Moinho do Maneio, Penamacor, distrito de Castelo Branco

Nas visitas às Aldeias Históricas de Portugal, na passagem entre Monsanto e Sortelha, fiquei alojada numa das casinhas do Moinho do Maneio – que fica a cerca 8 Km de Penamacor, distrito de Castelo Branco. Tem casinhas independentes, algumas só com quarto e casa de banho, outras com sala e cozinha, para poder ficar descansado neste pedacinho de paraíso. Tem uma piscina para os dias mais quentes, mas os melhores locais estão junto da ribeira da Bazágueda, onde paira uma paz e acalmia, perfeitas para descansar. Preparado para relaxar em 3, 2, 1… Saiba mais sobre o Moinho do Maneio.

Moinho do Maneio - Penamacor - Portugal © Viaje Comigo

Moinho do Maneio – Penamacor – Portugal © Viaje Comigo

Moinho do Maneio - Penamacor - Portugal © Viaje Comigo

Casa do Moinho do Maneio – Penamacor – Portugal © Viaje Comigo

Moinho do Maneio - Penamacor - Portugal © Viaje Comigo

Moinho do Maneio – Penamacor – Portugal © Viaje Comigo

Zmar Eco Experience, Zambujeira do Mar, Alentejo, Portugal

Quando comecei a planear a viagem de autocaravana na costa alentejana, estive a procurar parques de campismo onde pudesse parar em segurança e onde tivesse condições para tratar do veículo (recolocar águas, ter eletricidade, etc). Acabei por escolher o Zmar Eco Experience, como base da viagem de autocaravana, ficando no centro dos locais que iria visitar. Foi a escolha perfeita, num local muito agradável. Leia mais aqui.Zmar Eco Experience - Alentejo - Portugal © Viaje Comigo

Zmar Eco Experience - Alentejo - Portugal © Viaje Comigo

No Zmar Eco Experience – Alentejo – Portugal © Viaje Comigo

Zmar Eco Experience - Alentejo - Portugal © Viaje Comigo

Lago do Zmar Eco Experience – Alentejo – Portugal © Viaje Comigo

Comentários

Poderá também gostar de

Regressar ao topo