Na Ilha da Culatra - Algarve - Portugal © Viaje Comigo Na Ilha da Culatra - Algarve - Portugal © Viaje Comigo
Publicado em Janeiro 26, 2021

Ilha da Culatra, Faro, Algarve

Notícias/ Portugal/ Sul [ Algarve/ Faro ]

São várias as ilhas da Ria Formosa, no Algarve, algumas mais turísticas e outras mais tradicionais, como é o caso da Ilha da Culatra, com uma população ainda muito feita de quem vive e trabalha de e para o mar. No verão é sempre mais movimentada devido à visita dos veraneantes. Além da população permanente, que fica todo o ano, muita gente aluga casas para passar temporadas nesta tranquila ilha. Com passeios a pé (ou de barco) pode chegar até à outra ponta da Ilha do Farol e pelo meio descobrir a povoação de Hangares, que tem uma história cheia de curiosidades.

Vista para Olhão, da Ilha da Culatra - Algarve - Portugal © Viaje Comigo

Vista para Olhão, da Ilha da Culatra – Algarve – Portugal © Viaje Comigo

"Vai com Calma" - Na Ilha da Culatra - Algarve - Portugal © Viaje Comigo

“Vai com Calma” – Na Ilha da Culatra – Algarve – Portugal © Viaje Comigo

Como chegar à Ilha da Culatra?
No inverno, como estava a viver em Olhão, fui nos barcos-carreira, ou seja, que a diversas horas (com menos periodicidade no inverno) fazem o trajeto para as ilhas. Primeiro, o barco pára na Ilha da Culatra e depois no Farol. Se não quiser estar condicionado pelos horários da carreira, existem barcos-táxi (mais caros, claro) que fazem o transporte de passageiros e mercadorias. Pode ver os horários das carreiras, a partir de Olhão, mais abaixo.

A viagem até às ilhas nunca é somente o chegar lá. Se for feita de dia é sempre um passeio muito bonito de se fazer e de forma a apreciar a beleza natural da Ria Formosa. Depois, em terra firme, muita gente gosta de fazer o passeio à beira-mar. Pode comprar o bilhete para a Ilha do Farol, fazer o percurso até à Culatra (cerca de uma hora a pé) e depois apanhar aí o barco para ir embora. Ou o contrário.

Na Ilha da Culatra - Algarve - Portugal © Viaje Comigo

Na Ilha da Culatra – Algarve – Portugal © Viaje Comigo

A Culatra é uma ilha de pescadores e a proximidade entre os habitantes nota-se em poucos minutos. Toda a gente se conhece! O casario típico é habitado todo o ano, ao contrário de outras ilhas que só têm gente durante o verão. Vive-se aqui! Há quem, todos os dias, apanhe o barco para ir trabalhar ou para a escola no continente (apesar de haver aqui escolas para os mais novos)… é assim a vida de quem vive na ilha, que tem 7Km de extensão e praias paradisíacas.

As ilhas do Algarve (Armona, Culatra (Farol e Hangares), Tavira, Cabanas e Barreta) formam a barreira arenosa entre o mar e a ria, fazendo parte integrante do Parque Natural da Ria Formosa.

Na praia Ilha da Culatra - Algarve Portugal - © Viaje Comigo

Na praia Ilha da Culatra – Algarve Portugal – © Viaje Comigo

Ilha da Culatra - Algarve - Portugal © Viaje Comigo

Ilha da Culatra – Algarve – Portugal © Viaje Comigo

Passadiço para a praia da Ilha da Culatra - Algarve - Portugal © Viaje Comigo

Passadiço para a praia da Ilha da Culatra – Algarve – Portugal © Viaje Comigo

A ter em atenção:
Apesar de a Ilha da Culatra ter uma população residente grande, também no inverno alguns negócios fecham. Ainda assim, alguns cafés, restaurantes e supermercados continuam a funcionar normalmente. Se ficar lá a viver, também pode apanhar o barco e ir às compras e passear a Olhão, por exemplo, e voltar à ilha para pernoitar.

Praia da Ilha da Culatra - Algarve - Portugal © Viaje Comigo

Praia da Ilha da Culatra – Algarve – Portugal © Viaje Comigo

Onde comer na Ilha da Culatra?
Em dezembro de 2020, fui almoçar ao Janoca – era um dos poucos restaurante abertos na ilha, mesmo antes do final de ano – e provei (pela primeira vez na vida) anchova grelhada. Adorei. É um café-restaurante simples, onde os locais param e com vista para o porto e, do outro lado da ria, avista-se Olhão. Com bom tempo, aproveite a esplanada e prove os peixes frescos do dia. Também provei a posta de atum, mas gostei mais da anchova grelhada.

Anchova, restaurante Janoca, Ilha da Culatra - Algarve - Portugal © Viaje Comigo

Anchova, restaurante Janoca, Ilha da Culatra – Algarve – Portugal © Viaje Comigo

Atum, restaurante Janoca, Ilha da Culatra - Algarve - Portugal © Viaje Comigo

Atum, restaurante Janoca, Ilha da Culatra – Algarve – Portugal © Viaje Comigo

No verão, fui apenas passar o dia à Ilha do Farol , mas fiz uma caminhada até à Culatra. Levei comigo: guarda-sol, toalhas de praia, protetor solar, água e merenda (apesar de os bares e restaurantes estarem a funcionar), um livro e carregador de telemóvel. A água estava gelada. Tem um aspeto de água das Maldivas, ou do género, mas punha o pé e fazia-me lembrar o mar no Porto, que está sempre gelado. Passa-se bem um dia na ilha, a ir a banhos, a ler, a caminhar no areal, até à Culatra, por exemplo… e no final do dia, antes do último barco, beber algo num dos bares. Dia perfeito de dolce far niente.

Na Ilha da Culatra - Algarve - Portugal © Viaje Comigo

Na Ilha da Culatra – Algarve – Portugal © Viaje Comigo

Onde dormir em Olhão?

No centro de Olhão, no Algarve, está a que foi a minha casa durante quase duas semanas: a Maison Citron (sim, tem muito de amarelo na decoração!). A dois passos das lojas de comércio, dos restaurantes e da avenida principal, está esta casa de interesse patrimonial, no centro histórico. Fica também a cerca de 100 metros do mar (do serviço de ferry, que nos leva às ilhas da Ria Formosa) e dos mercados. É a localização perfeita, para quem quer viver o ambiente do Algarve mais tradicional. Leia mais.

– Está à procura de alojamentos para a sua viagem? Pesquise aqui

Buscar hotel

Destino
Data de entrada
Data de saida

Maison Citron - Olhão - Algarve © Viaje Comigo

Cozinha da Maison Citron – Olhão – Algarve © Viaje Comigo

Maison Citron - Olhão - Algarve © Viaje Comigo

Entrada da Maison Citron – Olhão – Algarve © Viaje Comigo

Centro de Olhão, a um minuto da Maison Citron - Algarve © Viaje Comigo

Centro de Olhão, a um minuto da Maison Citron – Algarve © Viaje Comigo

INFORMAÇÕES

A partir de Olhão – Horários dos barcos para a Ilha do Farol / Ilha da Culatra:

(a bilheteira abre 30 minutos antes do horário das carreiras)
Preço: 1,85€ (ida/adulto); 3,70€ (ida e volta); 0,95€/crianças (4 aos 10 anos) – 1,90€ (ida e volta);

Verão
01 a 30 de junho e 01 a 30 de setembro

Partida Olhão – Partida Culatra – Partida Farol
07h00 – 07h45 – 07h30
09h00 – 09h30 – 10h00
11h00 – 13h00 – 12h45
15h00 – 15h30 – 16h00
17h15 – 17h45 – 18h15
19h30 – 20h00 – 20h20

Verão
01 a 30 de julho e 01 a 20 de setembro

Partida Olhão – Partida Culatra – Partida Farol
07h00 – 07h45 – 07h30
09h00 – 09h30 – 10h00
11h00 – 11h30 – 12h00
13h00 – 13h45 – 13h30
15h00 – 15h30 – 16h00
17h15 – 17h45 – 18h15
19h30 – 20h00 – 20h20

Inverno
21 de setembro a 31 de maio

Partida Olhão – Partida Culatra – Partida Farol
07h00 – 07h45 – 07h30
11h00 – 13h00 – 12h45
15h00 – 15h30 – 16h00
18h30 – 19h00 – 19h15

Passadiço para a praia da Ilha da Culatra - Algarve - Portugal © Viaje Comigo

Passadiço para a praia da Ilha da Culatra – Algarve – Portugal © Viaje Comigo

Comentários

Poderá também gostar de

Regressar ao topo