Club Med Bali - Indonésia © Viaje Comigo Club Med Bali - Indonésia © Viaje Comigo
Publicado em Junho 12, 2019

Momentos de paz no Club Med Bali, Indonésia

Ásia/ Indonésia [ Bali/ Club Med ]

Há toda uma ideia de paz interior ligada à ilha de Bali na Indonésia, e o Club Med Bali é o espelho dessa filosofia. Entrar neste village, localizado em Nusa Dua, no sul da ilha, é fugir de multidões e, ao mesmo tempo, dar-nos o tempo que, no dia a dia, quase não temos para nós.

No Club Med Bali o mar está mesmo em frente, com apenas um (amplo) jardim a separar os quartos do areal. Não vou dizer que é uma das praias mais lindas do mundo, mas cumpre o seu efeito. Água morna, areal limpo todos os dias, e uma marginal que percorre Nusa Dua e que permite caminhadas diárias e inspiradoras.

Praia em frente ao Club Med Bali - Indonésia © Viaje Comigo

Praia em frente ao Club Med Bali – Indonésia © Viaje Comigo

Club Med Bali - Indonesia © Viaje Comigo

Maré baixa na praia do Club Med Bali – Indonesia © Viaje Comigo

Club Med Bali - Indonesia © Viaje Comigo

Club Med Bali – Indonesia © Viaje Comigo

Os quartos são amplos e com decoração simples. Os do rés-do-chão poderão ter varanda e espreguiçadeiras e são geralmente maiores e mais apropriados para famílias, com crianças. No quarto tem tudo o que precisa: chinelos de quarto, champô, creme hidratante, escova e pasta dos dentes, discos desmaquilhantes, cotonetes, toucas para o cabelo, sabonete e uma lâmina de barbear. Produtos que vão sendo repostos à medida que vai usando. As garrafas de água também estão sempre disponíveis no quarto.

Quartos do Club Med Bali - Indonesia © Viaje Comigo

Quartos do Club Med Bali – Indonesia © Viaje Comigo

Da receção do Club Med Bali até à praia são apenas dois minutos a pé, passando por restaurante, piscina, bar e até pelo trapézio, que faz parte das atividades gratuitas para os hóspedes. Com isto quero dizer que tudo está perto dentro deste village.

Trapézio do Club Med Bali - Indonésia © Viaje Comigo

Trapézio do Club Med Bali – Indonésia © Viaje Comigo

Club Med Bali - Indonesia © Viaje Comigo

Club Med Bali – Indonesia © Viaje Comigo

No centro está a piscina principal, que se divide em duas: para adultos e para crianças. E é aqui que acontecem atividades aquáticas como hidroginástica ou andebol, por exemplo. Há quase sempre música e agitação, por isso, se quiser relaxar e ter uma piscina mais calma… basta andar um pouco mais e estar na piscina Zen. Pelo nome dá para perceber que é mais relaxante e, sem dar por isso, vai estar a dormir uma sesta… tal é a acalmia. Ouve-se o mar e os passarinhos nesta piscina Zen, onde os menores de 18 anos não podem entrar. Os pais vão deixar as crianças no Mini Club, onde têm atividades durante todo o dia, e ficam aqui relaxados, com o merecido descanso… à volta de um livro, de trabalhar para o bronzeado ou simplesmente dormir e descansar.

Piscina Zen do Club Med Bali - Indonésia © Viaje Comigo

Piscina Zen do Club Med Bali – Indonésia © Viaje Comigo

Piscina Zen do Club Med Bali - Indonésia © Viaje Comigo

Piscina Zen do Club Med Bali – Indonésia © Viaje Comigo

Mini Club - Club Med Bali - Indonesia © Viaje Comigo

Mini Club – Club Med Bali – Indonesia © Viaje Comigo

Mini Club - Club Med Bali - Indonesia © Viaje Comigo

Mini Club – Club Med Bali – Indonesia © Viaje Comigo

Club Med Bali - Indonesia © Viaje Comigo

Piscina Zen do Club Med Bali – Indonesia © Viaje Comigo

Apesar de este Club Med Bali ter um espírito bastante calmo existem atividades durante todo o dia, a maior parte das quais desportivas. No meu primeiro dia estava já tudo montado para miúdos e graúdos se divertirem na festa da espuma; há aulas de gastronomia; de zumba; alongamentos ao final do dia; ioga de manhã; desportos aquáticos para experimentar… enfim, tanta coisa que é preciso mais do que uma semana de férias se quisermos experimentar tudo. E um Spa com massagens e uma piscina privada.

Piscina do Spa do Club Med Bali - Indonésia © Viaje Comigo

Piscina do Spa do Club Med Bali – Indonésia © Viaje Comigo

O longo jardim que acompanha a beira-mar, e separa os quartos da praia, é dos locais mais escolhidos para o relaxamento das familias. São várias as camas balinesas e outros recantos, assim como dois bares com vista de mar, que convidam para as sestas ao longo do dia.

Club Med Bali - Indonésia © Viaje Comigo

Club Med Bali – Indonésia © Viaje Comigo

Já o tenho dito de outros Club Med, por onde passei, que o pessoal da cozinha é maravilhoso e será sempre um desafio não engordar nestas férias. A comida é muito variada e excelente. Neste buffet, em Bali, havia sempre uma área coreana, japonesa, chinesa, indonésia e, à noite, uma indiana, onde me deliciava. Além disso, tem uma parte onde geralmente as crianças vão buscar a sua comida, com grelhados, hambúrgueres, filetes de peixe, etc.

Buffet do Club Med Bali - Indonésia © Viaje Comigo

Buffet do Club Med Bali – Indonésia © Viaje Comigo

Buffet do Club Med Bali - Indonésia © Viaje Comigo

Buffet do Club Med Bali – Indonésia © Viaje Comigo

Buffet do Club Med Bali - Indonésia © Viaje Comigo

Sala do Buffet do Club Med Bali – Indonésia © Viaje Comigo

Mas, para não acharem que vai ser difícil manter-se uma alimentação saudável – uma vez que, no buffet, temos o hábito de misturar muita coisa que nos apetece – existe uma área healthy, sempre com grelhados, cozidos, vegetais e também produtos sem glúten. Ao pequeno-almoço há sumos de fruta natural, um cozinheiro só para os ovos, pães e pastéis, queijos e fiambres, frutas, e também sugestões asiáticas para começar a manhã. Está tudo pensado para agradar a todos.

Pratos do Deck no Club Med Bali - Indonésia © Viaje Comigo

Pratos do Deck no Club Med Bali – Indonésia © Viaje Comigo

Antes de começar qualquer refeição deliciava-me com a fruta fresca, já partida que estava numa mesa central. De paragem obrigatória e que foi a minha salvação para não me perder com os doces e pastéis que todos os dias eram diferentes. Provei os suficientes para dizer que a equipa de pastelaria é excecional: além de terem bom sabor, os doces apelavam também aos olhos.

Club Med Bali - Indonesia © Viaje Comigo

Almoço no Deck – Club Med Bali – Indonesia © Viaje Comigo

E, porque os “olhos também comem”, em cada banca existe um prato já feito como sugestão para os hóspedes verem. É possível fazer o seu próprio prato de buffet ou levar os que são preparados no momento. Com ótimo empratamento como qualquer restaurante fino…

Aliás, além do restaurante buffet existe um outro rodeado por um lago e com uma queda de água, que nos relaxa enquanto desfrutámos da refeição. O Deck funcionava nas horas em que o buffet fechava, sendo que assim terá sempre um sítio para comer, sem ter de olhar para o relógio, com medo de perder as horas das refeições. O Deck tem ementa fixa, uma para o almoço tardio e outra para o jantar. O funcionamento é tão bom que em apenas alguns minutos o que pedimos está na mesa.

Pratos do Deck no Club Med Bali - Indonésia © Viaje Comigo

Pratos do Deck no Club Med Bali – Indonésia © Viaje Comigo

No mesmo sítio – que é lindo, tanto de dia como de noite, rodeado pelo lago – funciona o restaurante à carta, com pratos mais compostos e um menu de degustação, que é uma fusão mescla de gastronomias tradicionais asiáticas, com toque contemporâneo. Estava uma delícia e com apresentação cinco estrelas. À noite, funciona em apenas alguns dias da semana e terá de marcar na manhã do dia em que quiser experimentar.

Jantar no Club Med Bali - Indonésia © Viaje Comigo

Jantar no Club Med Bali – Indonésia © Viaje Comigo

Todas as noites, depois do jantar, há espetáculos variados, seguidos de festa, música e convívio à volta do bar central, com vista para a praia. Numa das noites, o espetáculo poderá ter música ao vivo, com uma banda convidada, e noutra noite asiática temos a possibilidade de assistir a um espetáculo tradicional de dança balinesa. Para quem ainda dançar mais, antes de ir dormir, tem uma discoteca para acabar a noite com mais diversão. Isso ou um passeio pela marginal de Nusa Dua (que eu fazia todos os dias) servem para queimar os excessos da comida maravilhosa que o village serve!

Espetáculos do Club Med Bali - Indonésia © Viaje Comigo

Espetáculos do Club Med Bali – Indonésia © Viaje Comigo

Espetáculos do Club Med Bali - Indonésia © Viaje Comigo

Espetáculos do Club Med Bali – Indonésia © Viaje Comigo

Espetáculos do Club Med Bali - Indonésia © Viaje Comigo

Espetáculos do Club Med Bali – Indonésia © Viaje Comigo

Espetáculos do Club Med Bali - Indonésia © Viaje Comigo

Espetáculos do Club Med Bali – Indonésia © Viaje Comigo

Espetáculos do Club Med Bali - Indonésia © Viaje Comigo

Espetáculos do Club Med Bali – Indonésia © Viaje Comigo

Festas do Club Med Bali - Indonésia © Viaje Comigo

Festas do Club Med Bali – Indonésia © Viaje Comigo

Também como nos outros Club Med, em Bali o desporto é um ponto primordial. Há variados campos de ténis, campo de futebol, de golfe, de basquetebol, e na água paddle e windsurf estão disponíveis nas atividades e incluídas no pacote de férias. O trapézio também faz parte das atividades e está disponível – com horários próprios – para todas as idades, assim como uma cama elástica que põe, principalmente os mais novos, a saltar mais alto.

Golfe no Club Med Bali - Indonésia © Viaje Comigo

Golfe no Club Med Bali – Indonésia © Viaje Comigo

Trapézio no Club Med Bali - Indonésia © Viaje Comigo

Trapézio no Club Med Bali – Indonésia © Viaje Comigo

Desportos na água - Club Med Bali - Indonesia © Viaje Comigo

Desportos na água – Club Med Bali – Indonesia © Viaje Comigo

Campos de ténis no Club Med Bali - Indonésia © Viaje Comigo

Campos de ténis no Club Med Bali – Indonésia © Viaje Comigo

Club Med Bali - Indonesia © Viaje Comigo

Ioga no Club Med Bali – Indonesia © Viaje Comigo

Se for dos que gosta de se levantar cedo e ter logo algo para fazer, há Ioga ao amanhecer e o ginásio está sempre aberto. Depois, ao longo do dia, o programa é sempre recheado com inúmeras propostas e, ao final do dia, uma aula de alongamentos a acompanhar o pôr do sol. Resumindo… Ao fim de uma semana vai perceber que não teve tempo para fazer tudo o que queria no village.

Se dedicar um ou dois dias às excursões, como eu fiz, ainda menos tempo passam no village mas… é imperativo sair e conhecer todo o misticismo que envolve Bali. E se toda a ilha é um chamamento para o desacelerar do stress do dia a dia, também o próprio village e os seus funcionários ajudam a que isso aconteça. Há toda uma filosofia mais relaxada e calma. É o espírito de Bali que entra também no quotidiano do village.

Baloiço do Club Med Bali - Indonésia © Viaje Comigo

Baloiço do Club Med Bali – Indonésia © Viaje Comigo

Saia para visitar os templos mais conhecidos, mas em todo o lado encontrará templos, inclusive só dentro do village existem pelo menos três… e todos os dias encontrará as oferendas espalhadas por vários locais: uma cestinha, com bolachas, doces e um cigarro, por exemplo. Inclusive dentro dos carros vai encontrar essas oferendas. Vou-vos contar uma história: no primeiro tour que fiz levei um lanche com doces, porque tive de acordar de madrugada. Quando ia comer o lanche estava cheio de minúsculas formigas. Não tinha percebido como é que os bichos tinham entrado no carro e ido ao pacote que estava dentro de um saco! Depois, quando reparei, a oferenda dentro do carro, pousada no tablier, tinha um focinho e estava cheia de formigas… e tinham sido essas que tinham vindo ao banco de trás do carro, comer o meu lanche. Grande viagem para elas!

Praia em frente ao Club Med Bali - Indonésia © Viaje Comigo

Praia em frente ao Club Med Bali – Indonésia © Viaje Comigo

Praia em frente ao Club Med Bali - Indonésia © Viaje Comigo

Praia em frente ao Club Med Bali – Indonésia © Viaje Comigo

Mas, voltemos então ao Club Med Bali… há um baloiço fotogénico ao lado de um bar igualmente bem decorado… que parece saído de uma revista, rodeado de palmeiras e a dois passos do mar. Levei um livro e fiquei a desfrutar de tudo isso… À minha frente, vários pagodes sobressaem nos pontões de pedras que separam areais. Também são o local ideal para ficar a apreciar a vista ou simplesmente a acompanhar a azáfama dos pescadores locais e os caranguejos a esconderem-se nas rochas. Uma tranquilidade só abalada pelo pessoal que anda na “banana” ou no jetsky.

Bar com vista para a praia - no Club Med Bali - Indonésia © Viaje Comigo

Bar com vista para a praia – no Club Med Bali – Indonésia © Viaje Comigo

Junto da praia está um templo, mesmo em frente ao Club Med. Tive a sorte de ter assistido a uma celebração, em cima do areal. Só depois me disseram que estava associada à morte porque estavam vestidos com cores mais escuras. Nessa mesma manhã tinha estado numa outra, em que estavam vestidos de branco e amarelo.
Mas, eu tão pouco poderia diferenciá-las. Não há tristeza ou alegria que diferencie uma da outra. Para os meus padrões europeus, não vi essa diferença. As pessoas fazem a despedida com concentração, preces, mas sem tristezas. Havia uma música de fundo, que quase nos fazia entrar em transe. Só homens estão a tocar instrumentos de percussão… com batidas sincopadas e pratos pequenos estridentes. Adorei aquela música e aproximei-me. Como estava na praia, quando começou a cerimónia, estava de vestido curto, que esvoaçava com o vento, deixando-me pouco à vontade… não era a melhor roupa para aquela celebração, mas fui apanhada assim no meio dela.

Cerimónia na praia - Bali - Indonésia © Viaje Comigo

Cerimónia na praia – Bali – Indonésia © Viaje Comigo

Queria estar a filmar e a fotografar tranquilamente, sem que dessem por mim. Tentava prender o vestido entre as pernas e sentei-me na areia perto dos que tocavam a música. Um deles olha para mim e ri-se. Faz-me o gesto para que me aproxime e – deve ter reparado no meu desconforto – que podia ir para mais perto. “Não há problema, anda cá”, disse-me. Levantei-me e fui para o meio deles filmar. Um grupo de mulheres, sentadas na areia, entre árvores, ri-se para mim e uma família está na celebração a fazer um piquenique, enquanto a dois metros está um outro grupo a fazer as orações. No final, colocam as oferendas no areal. Estão copos e pratos de plástico a serem levados, com as oferendas, pelo mar… Nota-se o constrangimento dos turistas a verem o lixo a ser levado pelo oceano dentro… mas somos apenas observadores aqui. No final, as contas e flores são levadas num barco por alguns dos participantes da cerimónia, os outros ficam à espera que regressem no areal.

Cerimónia na praia - Bali - Indonésia © Viaje Comigo

Cerimónia na praia – Bali – Indonésia © Viaje Comigo

Cerimónia na praia - Bali - Indonésia © Viaje Comigo

Cerimónia na praia – Bali – Indonésia © Viaje Comigo

Apesar de ter feito dois dias de tours pela ilha esta, para mim, foi a minha experiência mais imersiva na cultura de Bali. Em que pude estar lado a lado com os habitantes, falar com eles, conviver, sem pressas, correrias ou horários. E aconteceu mesmo em frente ao Club Med. Foi uma semana incrível! Não me canso de dizer que o Club Med é bem mais do que um resort por causa da filosofia de quem lá trabalha: os GO’s fazem de tudo para que tenhamos uma experiência inolvidável e que venhamos para casa de alma cheia de revigorados até às próximas férias. Muito obrigada pela vossa simpatia, pela companhia nas danças e pelo vosso trabalho. Parabéns!

Club Med Bali - Indonesia © Viaje Comigo

Club Med Bali – Indonesia © Viaje Comigo

Club Med Bali - Indonesia © Viaje Comigo

Club Med Bali – Indonesia © Viaje Comigo

Club Med Bali - Indonesia © Viaje Comigo

Jardins do Club Med Bali – Indonesia © Viaje Comigo

Club Med Bali - Indonesia © Viaje Comigo

Club Med Bali – Indonesia © Viaje Comigo

Club Med Bali - Indonesia © Viaje Comigo

Club Med Bali – Indonesia © Viaje Comigo

Comentários

Poderá também gostar de

Regressar ao topo