Quarto Sophia - Quinta de la Rosa - Direitos Reservados Quarto Sophia - Quinta de la Rosa - Direitos Reservados
Publicado em Março 8, 2017

Quinta de la Rosa, Pinhão, Douro, Portugal

Alojamento/ Portugal [ Douro/ Pinhão ]

Em pleno Douro Vinhateiro, a Quinta de la Rosa fica quase colada ao rio, junto da linha de comboio e com vista direta para o Pinhão – concelho de Alijó, distrito de Vila Real. Além dos conhecidos vinhos, e da sua famosa sala de provas, da qual já falamos no Viaje Comigo,é possível ficar alojado na quinta e experimentar também o seu restaurante.

Piscina Quinta de la Rosa © Viaje Comigo

Piscina da Quinta de la Rosa © Viaje Comigo

Na Quinta de la Rosa, no Pinhão, tem suites viradas para o rio Douro e as refeições (a pedido) são servidas na sala de uma das casas da quinta, onde também é tomado o pequeno-almoço. Visitei esta quinta do inverno mas, mesmo assim, mantém-se verde e o sol, ainda que não aqueça muito, ajuda a iluminar tudo e acaba por vencer o nevoeiro que teima em pousar sobre a vila do Pinhão, pela manhã bem cedo.

Janela no quarto da Quinta de la Rosa © Viaje Comigo

Janela no quarto da Quinta de la Rosa © Viaje Comigo

Quarto Patricia da Quinta de la Rosa © Viaje Comigo

Quarto Patricia da Quinta de la Rosa © Viaje Comigo

O pequeno-almoço é servido em modo buffet e com produtos coisas regionais: como os pães, os queijos e os enchidos. Depois, há também pastelaria, frutas, cereais, iogurtes e compotas caseiras. Tem também dois sumos (laranja e pêssego) e uma máquina (ao lado da torradeira) de onde se podem tirar todas as bebidas quentes, como leite, café ou água para as infusões.

Pequeno-almoço na Quinta de la Rosa © Viaje Comigo

Pequeno-almoço na Quinta de la Rosa © Viaje Comigo

As outras refeições terão – até à abertura do novo restaurante – de ser marcadas com antecedência. O jantar é servido com três pratos e vinho da casa a acompanhar. Atualmente, a quinta já tem o seu restaurante: a Cozinha da Clara.

Apesar de ter alojamento, a quinta está aberta a qualquer pessoa que queira visitar a adega, onde se pode ver como é feita a produção do vinho de la Rosa. No final, depois de visitar as vinhas, pode também fazer caminhadas até ao topo do monte e até aos famosos socalcos do Vale do Inferno. Termine com as provas dos néctares na sala envidraçada, com vista para o rio Douro.

Vista para o Pinhão na Quinta de la Rosa © Viaje Comigo

Vista para o Pinhão na Quinta de la Rosa © Viaje Comigo

Nas vindimas, pode participar na poda e fazer a típica pisa (nos Portos da La Rosa é feita a tradicional pisa a pé nos lagares de granito). É possível também fazer as caminhadas com piqueniques e usufruir da piscina quando o tempo está mais quente.

Adega da Quinta de la Rosa © Viaje Comigo

Adega da Quinta de la Rosa © Viaje Comigo

Os quartos da Quinta de la Rosa são espaçosos e decorados de forma diferente. Fiquei num em tons de azul (é o Patricia, já que todos os quartos têm nomes de mulheres da família), que são prolongados até ao painel de azulejos que estava junto da (linda) banheira. Numa sala à parte estão sofás e televisão, onde convivem também os hóspedes… sim, os quartos não têm televisão! Mas, têm uma chaleira para ferver água se quiser tomar um café instantâneo ou chá.

Quarto Patricia da Quinta de la Rosa © Viaje Comigo

Quarto Patricia da Quinta de la Rosa © Viaje Comigo

WC no Quarto Patricia da Quinta de la Rosa © Viaje Comigo

WC no Quarto Patricia da Quinta de la Rosa © Viaje Comigo

A Quinta de la Rosa tem, além dos quartos, vivendas para alugar e outros quartos dentro da casa de família que tem vista direta para o rio.

Atualmente, a quinta já tem um restaurante, mas na altura do meu alojamento ainda não tinha. Por isso, era Cristina quem estava na cozinha e dava vontade de a trazemos connosco para que continuemos a provar os seus gostosos pratos. Começamos com uma sopa (creme) e depois, a acompanhar o prato de bacalhau assado (tão bom que estava!) tivemos os vinhos da Quinta de la Rosa, claro, aquecidos perto da lareira. Um final de dia perfeito.

Jantar na Quinta de la Rosa © Viaje Comigo

Jantar na Quinta de la Rosa © Viaje Comigo

Vinho ao jantar na Quinta de la Rosa © Viaje Comigo

Vinho ao jantar na Quinta de la Rosa © Viaje Comigo

A HISTÓRIA

A Quinta de la Rosa é da família Bergqvist e o terreno foi oferecido como presente de batismo a Claire Feuerheerd, avó de Sophia (atual dona), em 1906. Mas, já desde 1815, tem vindo a fazer vinho do Porto. Desde 1990 que diversificaram e têm mais vinhos do Douro representados em todo o mundo.

A Quinta de la Rosa é gerida por Sophia Bergqvist e Jorge Moreira é o énologo da La Rosa.
Encontra-se no coração do Alto Douro Vinhateiro com classificação de nível “A” para produção de vinho do Porto.

Sala de provas da Quinta de la Rosa © Viaje Comigo

Sala de provas da Quinta de la Rosa © Viaje Comigo

Sala de Provas na Quinta de la Rosa © Viaje Comigo

Sala de Provas na Quinta de la Rosa © Viaje Comigo

INFORMAÇÕES

Quinta de la Rosa
Morada: 5085-215 Pinhão, Portugal
Telefone: +351 254 732 254
GPS: N 41.182149 W 7.552549

Visitas às instalações – 16€/pessoa
Horários: 11h00 e 16h00; outros por marcação
Mais informações aqui

Sala dos pequenos-almoços na Quinta de la Rosa © Viaje Comigo

Sala dos pequenos-almoços na Quinta de la Rosa © Viaje Comigo

Comentários

Poderá também gostar de

Regressar ao topo