Susana Ribeiro em Khao Sok - Tailandia © Viaje Comigo Susana Ribeiro em Khao Sok - Tailândia © Viaje Comigo
Publicado em Setembro 14, 2020

A sonhar em voltar à Tailândia, recordando as histórias lá vividas

Ásia/ Notícias/ Tailândia

É certo, este é o ano em que vamos mais sonhar com viagens! E um dos locais onde eu ia ficar mais tempo, em 2020, era na Tailândia. Ia acompanhar mais um grupo – tal como em 2019 – e ia estender a minha estada por mais umas semanas. Este ano, mais do que nunca, sonhámos com viagens e temos saudades dos locais.

Tenho saudades da frenética Banguecoque, da histórica Ayutthaya, da quietude do Parque Nacional Khao Sok, da divertida Chiang Mai, de passar uma noite no comboio, e acabar uma viagem num local paradisíaco como Krabi. E, claro, tenho saudades da comida tailandesa, mesmo podendo prová-la em Portugal em alguns restaurantes tailandeses. Não é bem a mesma coisa… falta aquele banco de plástico, na beira da estrada, e o pad thai a ser preparado e a saltitar na wok no passeio.

Que locais já visitaram e/ou gostariam de visitar na Tailândia? Deixem as vossas recordações/ sugestões nos comentários.

Foto Railay Beach - Tailândia © Viaje Comigo

Foto Railay Beach – Tailândia © Viaje Comigo

Este texto é um recordar – muito saudoso! – e com fotografias que nunca tinha publicado aqui no Viaje Comigo. Espero que vos faça também sonhar com o destino, recordar com saudades e todos a torcermos para que, em breve, seja possível estarmos de novo a visitar aquele país. Os números relativos à Covid-19 na Tailândia têm sido alvo de estudo, pelos especialistas internacionais, uma vez que o número de casos sempre foi baixo, comparativamente com os de outros países (até ao momento, foram confirmados 3.402 casos de COVID-19 na Tailândia, dos quais 3.229 já se encontram recuperados, 115 em tratamento e 58 mortes). Mesmo assim, e apesar dos bons índices relevados no combate à pandemia, as autoridades tailandesas anunciaram o prolongamento, até 30 de setembro, do estado de emergência decretado para combater a Covid-19, apesar de quase três meses sem contágios locais.

Tuk Tuk em Ayutthaya - Tailândia © Viaje Comigo

Tuk Tuk em Ayutthaya – Tailândia © Viaje Comigo

“De acordo com o Índice Global COVID-19 (GCI), a Tailândia ocupa o terceiro lugar no ranking mundial dos 184 países que registaram a maior recuperação da pandemia causada pelo novo coronavírus, tendo obtido uma pontuação de 81,69% no índice de recuperação. Este resultado atesta o estatuto do país como um exemplo em termos de esforços no combate à pandemia.

Com efeito, a Tailândia começou a tomar medidas de prevenção logo em janeiro, e tem mantido restrições muito fortes à entrada de viajantes no país, tendo encerrado todos os acessos marítimos, aéreos e terrestres ao turismo. Dentro do próprio país cumpre-se, igualmente, o recolher noturno das 22h00 às 04h00, existindo limitações nas deslocações entre províncias e a proibição de encontros sociais”, refere o Turismo da Tailândia em comunicado.

Bungalow em Khao Sok - Tailândia © Viaje Comigo

Bungalow em Khao Sok – Tailândia © Viaje Comigo

Lago do Khao Sok - Tailândia © Viaje Comigo

Lago do Khao Sok – Tailândia © Viaje Comigo

Já fui muitas vezes a Banguecoque e há sempre algo que não conheço e que merece que passe mais um tempo por lá. O Buda Reclinado, os passeios de barco, o Grande Palácio Real e a animada Khao San Road, para depois dar um salto ao famoso mercado flutuante Damnoen Saduak, são os locais de vista quase obrigatória. A noite de Banguecoque é algo que tem de ser vivido, principalmente na Khao San Road, onde os bares e restaurantes – e casas de massagens, com esplanadas na rua – fazem as delícias dos turistas, com muita animação.

Khao San Road, Banguecoque - Tailândia © Viaje Comigo

Khao San Road, Banguecoque – Tailândia © Viaje Comigo

Palácio Real em Bangkok - Banguecoque, Tailândia © Viaje Comigo

Palácio Real em Bangkok – Banguecoque, Tailândia © Viaje Comigo

Buda reclinado - Banguecoque - Tailândia © Viaje Comigo

Buda reclinado – Banguecoque – Tailândia © Viaje Comigo

Daqui a viagem é feita até Ayutthaya, antiga capital do reino Siam e que está classificada como Património Mundial da UNESCO. O seu histórico passado faz com que albergue muitos monumentos e ruínas dos mesmos, que valem a pena descobrir. Ayutthaya é uma lição e quem quer perceber a História deste país vai adorar visitar.

Ruínas de Ayutthaya - Tailândia © Viaje Comigo

Ruínas de Ayutthaya – Tailândia © Viaje Comigo

Ruínas de Ayutthaya - Tailândia © Viaje Comigo

Susana Ribeiro em Ayutthaya – Tailândia © Viaje Comigo

A partir de Ayutthaya, o comboio noturno – que sai de Banguecoque – vai levar-nos à inebriante Chiang Mai. Uma cidade com muita vida e com muita animação. À noite, as ruas transformam-se em mercados ao ar livre, onde há de tudo um pouco – desde roupa a comida, bugigangas e decorações – e há música ao vivo em centenas de locais. Visitámos o Wat Phra That Doi Suthep, um santuário que recebe muitos visitantes, sendo considerado um dos mais sagrados locais a norte da Tailândia, no topo de um monte – a vista de lá de cima é muito bonita.

Wat Phra That Doi Suthep - Chiang Mai - Tailândia © Viaje Comigo

Wat Phra That Doi Suthep – Chiang Mai – Tailândia © Viaje Comigo

Em Chiang Mai, um dos dias do programa que faço é a delícia de todos os viajantes do grupo. E também é uma delícia, para mim, vê-los deslumbrados… Visitámos um santuário de elefantes que foram resgatados. Não andamos de elefante! Nada disso! Vestimos um uniforme e somos cuidadores de elefantes por um dia. Neste santuário damos banho aos elefantes e preparamos as comidas, para alimentarmos os animais. É um dos dias que os viajantes mais gostam! E de onde trazem memórias muito boas!

Santuário de elefantes - Chiang Mai - Tailândia © Viaje Comigo

Santuário de elefantes – Chiang Mai – Tailândia © Viaje Comigo

Santuário de elefantes - Chiang Mai - Tailândia © Viaje Comigo

No Santuário de elefantes – Chiang Mai – Tailândia © Viaje Comigo

Santuário de elefantes - Chiang Mai - Tailândia © Viaje Comigo

Santuário de elefantes – Chiang Mai – Tailândia © Viaje Comigo

Santuário de elefantes - Chiang Mai - Tailândia © Viaje Comigo

Dar de comer a elefantes – Santuário de elefantes – Chiang Mai – Tailândia © Viaje Comigo

Santuário de elefantes - Chiang Mai - Tailândia © Viaje Comigo

Dar banho: Santuário de elefantes – Chiang Mai – Tailândia © Viaje Comigo

De Chiang Mai partimos, de avião, para conhecer o Parque Nacional Khao Sok, no sul da Tailândia. É, sem dúvida, um dos lugares mais bonitos onde já estive! Não só na Tailândia, mas no geral… Para chegarmos ao alojamento de Khao Sok – que são bungalows flutuantes, no meio de um lago – precisámos de apanhar o barco e, só isso, já nos permite ter contacto direto com toda a beleza natural que nos vai envolver nos próximos dias. As refeições são feitas também num restaurante flutuante e, durante o dia, podemos simplesmente relaxar, ou andar de caiaque, fazer caminhadas e um passeio de jangada… mas confesso que é o local perfeito para simplesmente relaxar.

Khao Sok - Tailândia © Viaje Comigo

Khao Sok – Tailândia © Viaje Comigo

Khao Sok - Tailândia © Viaje Comigo

Bungalows flutuantes em Khao Sok – Tailândia © Viaje Comigo

Khao Sok - Tailândia © Viaje Comigo

Khao Sok – Tailândia © Viaje Comigo

Khao Sok - Tailândia © Viaje Comigo

Passeio de jangada em Khao Sok – Tailândia © Viaje Comigo

De Khao Sok, o destino final da viagem é para Krabi e depois de barco para Railay Beach. Além das praias e bares, este é o local perfeito para descansar da viagem. Na verdade, o viajante não pára quieto e aqui, em Railay, temos a oportunidade de estar num local mais pequeno e aproveitarmos para descansar. Digo-vos que… viajar cansa! 😀

Railay Beach - Tailândia © Viaje Comigo

Railay Beach – Tailândia © Viaje Comigo

Além da praia, Railay Beach está recheada de bares, discotecas, restaurantes e casas de massagens. Não são locais tão baratos como Chiang Mai ou Banguecoque, por exemplo – até porque há menos espaços e, por isso, temos menos escolha – mas também existem locais para diferentes e variadas “bolsas”. O pôr do sol em Railay é lindo de morrer! Agora recordando, e a noite na discoteca, quando sabiam que eram um grupo de portugueses e já escolhiam músicas com artistas portugueses e brasileiros? Foi muito divertido!

Railay Beach - Tailândia © Viaje Comigo

Pôr do sol em Railay Beach – Tailândia © Viaje Comigo

A partir de Railay, a maior parte dos viajantes faz a visita às idílicas Ilhas Phi Phi. Passamos na Bamboo Island, vemos ao longe a Maya Bay (sim, onde foi filmado o filme “A Praia”, mas onde agora não podemos desembarcar, para proteção ambiental), passamos pela Phi Phi Lay, Loh Dama Bay e Phi Phi Don. Tudo lugares que nos remetem sempre para a palavra… paraíso!
Vamos fazendo várias paragens para snorkeling, mergulhar, nadar e apanhar sol nos areais lindíssimos onde vamos descendo do barco.

lhas Phi Phi (Islands), Tailândia © Viaje Comigo

lhas Phi Phi (Islands), Tailândia © Viaje Comigo

lhas Phi Phi (Islands), Tailândia © Viaje Comigo

lhas Phi Phi (Islands), Tailândia © Viaje Comigo

Já visitei as ilhas Phi Phi duas vezes e uma das vezes foi com sol e a outra com chuva. Aliás, nesta segunda, a hora de almoço foi um autêntico dilúvio, ou seja, calhou bem, porque estávamos no restaurante quando caiu a maior carga de água e estamos protegidos. E o que vos posso dizer, depois de ter visitado as Phi Phi com sol e com chuva, é que mesmo com chuva continua a ser um passeio muito bonito e divertido. Claro que, com sol, não dá vontade de sair de dentro da água, por causa do calor. É um dia muito bem passado! No final, regressámos a Railay Beach para relaxar e assistir ao pôr do sol!

lhas Phi Phi (Islands), Tailândia © Viaje Comigo

lhas Phi Phi (Islands), Tailândia © Viaje Comigo

Mercado Flutuante Damnoen Saduak - Tailândia © Viaje Comigo

Mercado Flutuante Damnoen Saduak – Tailândia © Viaje Comigo

Infelizmente, em 2020 não há Tailândia para mim (nem para os meus grupos) mas espero que em breve consigamos ter novas aventuras nestes e noutros locais deste lindíssimo país. Que locais já visitaram e/ou gostariam de visitar na Tailândia? Deixem as vossas recordações/sugestões nos comentários.

Ayutthaya - Tailândia © Viaje Comigo

Ayutthaya – Tailândia © Viaje Comigo

Palácio Real em Bangkok - Banguecoque, Tailândia © Viaje Comigo

Palácio Real em Bangkok – Banguecoque, Tailândia © Viaje Comigo

Se desejarem mais informações sobre a Tailândia e as viagens, neste momento conturbado, devido à pandemia, podem ler no Portal das Comunidades, do Ministério dos Negócios Estrangeiros, algumas das informações mais recentes – e também na página do Turismo da Tailândia.

Massagens em Khao San Road - Banguecoque - Tailândia © Viaje Comigo

Massagens em Khao San Road – Banguecoque – Tailândia © Viaje Comigo

Monges perto de Khao San Road, Banguecoque, Tailândia © Viaje Comigo

Monges perto de Khao San Road, Banguecoque, Tailândia © Viaje Comigo

Comentários

Poderá também gostar de

Regressar ao topo