Stand Up Together cartaz
Publicado em Setembro 11, 2018

Passatempo: entradas Stand-Up Together dia 4 de outubro, no Porto

Eventos

Nos dias 3 e 4 de outubro, no Teatro Sá da Bandeira, no Porto, vai ter lugar um espetáculo único com 12 comediantes em palco para vos fazerem chorar de tanto rir. O STAND UP TOGETHER!, Festival Internacional de Comédia terá duas noites de comédia, com nomes fortes de Portugal e internacionais: a primeira noite totalmente em português e a segunda… totalmente em inglês. Um festival único em Portugal, criado pelo comediante Rui Xará, que é o anfitrião.

Passatempooooooooo
Vou oferecer 8 bilhetes (simples) para a noite em inglês deste espetáculo! É no dia 4 de outubro.
Para participarem?
A – Enviem e-mail para geral@viajecomigo.com com
1 – A resposta a esta pergunta:
– Quem é o organizador deste evento?
2 – o vosso nome completo
3 – e número de BI.
A – Partilhem esta publicação no vosso mural de forma pública

.
.
.
O sorteio será feito por random.org e serão oferecidas 8 entradas entre todos os participantes. O anúncio dos vencedores será feito aqui (no domingo, dia 30 de setembro) e os mesmos serão contactados pelo e-mail que enviarem. Boa sorte!

E para fazer jus à palavra “único”, os convidados são eles todos já muito “rodados” nestas andanças e com anos de carreira e de experiência. A primeira noite, que será feita em português, conta com o anfitrião (e mentor da iniciativa) Rui Xará, Aldo Lima, Miguel Sete Estacas e os brasileiros Rafinha Bastos, Victor Sarro e Osvaldo Barros.

Na segunda noite do festival internacional de comédia, que será totalmente em inglês, é Jel (Homens da Luta) quem faz as honras da casa como anfitrião. A noite segue, depois, com o norte-americano Tom Rhodes (conhecido da Comedy Central), o britânico Barry Ferns e o irano-galês Darius Tabai. E a eles se juntam, em inglês, os portugueses André de Freitas e a única mulher em palco, neste festival, Catarina Matos (que foi a primeira humorista portuguesa a fazer stand up no canal Comedy Central!).

Rui Xará © Direitos Reservados

Rui Xará © Direitos Reservados

O primeiro dia do espetáculo será totalmente em português e o segundo dia em inglês, também apostando na crescente procura de espetáculos pelos turistas estrangeiros, enquanto descobrem a cidade do Porto. Por isso, se conhecem algum amigo que queira ver o espetáculo em inglês, esta será uma oportunidade única.

Podem comprar os bilhetes aqui – ambos os espectáculos começam às 22h00 (estejam lá antes!) – preços entre os 15€ e os 25€.

Cartaz do "Stand Up Together"

Cartaz do “Stand Up Together”

“A meteórica ascensão do fenómeno cómico em Portugal conhece um dos seus mais importantes marcos com a realização da primeira edição do STAND UP TOGETHER!, Festival Internacional de Comédia”, diz Rui Xará na apresentação do evento que idealizou, acrescentando que “O modelo de atuações da noite segue a tradicional forma anglosaxónica com cinco comediantes intercalados pelas intervenções do Mestre de Cerimónias (MC)”.

E quem são os convidados do STAND UP TOGETHER!, Festival Internacional de Comédia?

Os cabeças de cartaz da primeira noite, dia 3 de outubro, são: Rafinha Bastos, eleito pelo New York Times, em 2011, como a personalidade mundial mais influente do Twitter e que conta, atualmente, com mais de dez milhões de seguidores nas redes sociais; Aldo Lima, nome consagrado da comédia nacional; e Víctor Sarro, um fenómeno de popularidade no Brasil onde apresenta um programa com a superestrela internacional Anitta. O português Miguel Sete Estacas e o brasileiro Osvaldo Barros completam a noite.

No dia 4 de outubro, a tradição anglosaxónica é celebrada com mitos da stand-up comedy: Tom Rhodes, membro ativo nos mais influentes programas de comédia mundiais (Joe Rogan Experience e WTF, de Marc Maron, dois dos podcasts mais escutados a nível global) e autor de especiais da Netflix e Comedy Central, vai colocar Portugal na rota mundial do movimento cómico. O outro cabeça de cartaz é a lenda inglesa Barry Ferns, colaborador regular da BBC e criador do mais famoso comedy club londrino, o Angel Comedy Club. André de Freitas, português radicado em Londres, Catarina Matos, a primeira portuguesa a apresentar um set na Comedy Central, e Darius Tabai, irano-galês, encerram o alinhamento do festival.

Rui Xará © Direitos Reservados

Rui Xará © Direitos Reservados

BIOGRAFIA DOS COMEDIANTES DO “STAND-UP TOGETHER!” NO PORTO

– PRIMEIRA NOITE, DIA 3 DE OUTUBRO

RUI XARÁ
É um dos pioneiros da Stand Up Comedy em Portugal, foi o inventor e cicerone das famosas noites do Púcaros Bar no Porto, onde tantos comediantes nasceram, sendo um dos mais proliferos Comediantes do país com mais de 2200 actuações em quase 20 anos de carreira. Esteve presente já em quase todos os cartazes de renome na comédia em Portugal e tem variadas participações tanto em televisão, como em rádio. Em Janeiro de 2016 esgotou o Teatro Sá da Bandeira naquele que foi o primeiro grande ROAST público em Portugal, tendo para isso
conseguido juntar 17 comediantes em palco para o “assarem” nos seus 17 anos de carreira.. Desde essa altura tem sido o organizador e o host de vários Roasts sempre com casa cheia ou esgotada, como foram os casos do Roast do Álvaro Costa e do Roast do Fernando Rocha. Nas palavras do seu amigo Rui Sinel de Cordes, Rui Xará é “o mais conhecido dos (comediantes) não famosos” e apesar de adorar a Stand Up Comedy, tem já vários trabalhos feitos e reconhecidos noutras áreas do humor, sendo frequentemente convidado como prefaciador e apresentador de livros humoristicos.
É pai a tempo inteiro e adora aves e natureza em geral.

RAFINHA BASTOS
Rafael Bastos Hocsman, mais conhecido como Rafinha Bastos (nascido a 05 de dezembro de 1976, em Porto Alegre, Brasil) é comediante, ator, jornalista e apresentador de televisão.
Rafinha Bastos está entre os 30 comediantes mais vistos do mundo no YouTube. Os seus vídeos já somam mais de 190 milhões de visualizações. Em 2011, foi considerado pelo Jornal americano NEW YORK TIMES o dono do perfil do Twitter mais influente do mundo, com 10,5 milhões de seguidores. Em 2013 venceu o Shorty Awards, o “Oscar das Mídias Sociais”, como Melhor Humorista.
Rafinha Bastos começou a sua carreira de stand-up em 2004, em São Paulo. Tendência atual, o humor de “cara limpa” (sem personagem ou figurino especial) é uma linha de comédia que a cada dia ganha mais adeptos no Brasil. Pioneiro desta linguagem em território canarinho, Rafinha Bastos foi o criador do primeiro espetáculo a solo do gênero (A ARTE DO INSULTO), uma reunião de textos autorais testados em dois anos de Clube da Comédia Stand-up.
No seu último solo, ULTIMATO, o ator judeu e gaúcho está ainda mais ácido e não poupa nem mesmo as suas próprias raízes: “O objetivo do meu texto não é ofender e sim arrancar risadas com temas não muito convencionais para um espetáculo de humor”, conta Rafinha. O conteúdo do espetáculo estreia mundialmente dia 21 de setembro na Netflix.
Ainda em 2018, atuou no festival Just For Laughs, o mais relevante evento de comédia do mundo que ocorre em Monteal, no Canadá. Atualmente, Rafinha investe na sua carreira internacional e divide seu tempo entre Los Angeles e São Paulo.

Rafinhas Bastos.com.br © Direitos Reservados

Rafinhas Bastos.com.br © Direitos Reservados

ALDO LIMA
Aldo Lima é um dos pioneiros do stand-up em Portugal. No início da década de 90, antes da sua cara se tornar conhecida através de três campanhas de uma operadora de comunicações móveis, já ele tentava explicar a gerentes de espaços noturnos que lhe era possivel subir ao palco sozinho e, sem contar anedotas, divertir qualquer plateia. Era a cara da TMN. E…a seguir..ele continuou a lutar pelo Stand Up Comedy em Portugal. Esta tarefa ingrata ficou facilitada com o aparecimento do programa da SIC “Levanta-te e Ri” (em Portugal, as pessoas só acreditam depois de verem na televisão). Na sua primeira participação, Aldo Lima fala-nos de Tourada à Portuguesa, apresenta um dos momentos inesquecíveis do programa e lança, instantaneamente, a sua carreira de humorista.
Depois das participações nos recentes sucessos do Cinema em “O Pátio das Cantigas” e ” O Leão da Estrela” e do Teatro, com “As Mulheres não Percebem”, “Os Idiotas” e “Nome Próprio” com José Pedro Gomes , Rui Unas, Jorge Mourato entre outros – Aldo Lima volta a solo aos maiores palcos nacionais com o seu inconfundível estilo de Stand Up Comedy.

Aldo Lima © Direitos Reservados

Aldo Lima © Direitos Reservados www.aldolima.com

VICTOR SARRO
Victor Sarro iniciou a sua carreira de comediante ao participar num concurso na internet. Tempos depois foi convidado por Fábio Porchat para entrar no “Comédia em Pé”, o primeiro grupo de comédia stand up do Brasil. Venceu o concurso “Mais novo talento do humor do Brasil”, no programa Tudo é Possível (Record). Na Globo, foi repórter e redator do programa “Encontro com Fátima Bernardes”, redator e elenco do “Esquenta” com Regina Casé, Argumentista e Comediante do Altas Horas, com Serginho Groisman, e trabalhou em textos do Video Show. Apresentou o programa “Queimando a Roda” e “Fritada”, ambos no Multishow. Atualmente viaja com o RISADARIA (o maior festival de humor do mundo), e apresenta um programa ao lado da cantora Anitta no canal Multishow.

MIGUEL SETE ESTACAS
Subi pela primeira vez ao palco para fazer rir, em 1989, num
bar de nome “Geometria”, na Trofa. Nessa noite, as gargalhadas permaneceram no ar, até ao momento em que resolvi vestir-me. Até 2001, animei públicos e salas variadas, principalmente porque não gostava muito de ser vaiado pelas mesmas pessoas. Nesta altura, foi reconhecido o meu trabalho de autor e decidi escrever e representar o meu próprio humor. Optei assim por arriscar a apresentar o meu trabalho, esquecendo os saltos altos, as plumas e os vestidos sem costas. Contudo, ainda hoje não prescindo duma vistosa e extravagante lingerie encarnada. Foi no ano de 2002 que tudo se tornou mais sério, quando surgiu o programa televisivo da SIC “Levanta-te e Ri”, que impulsionou o stand up comedy em Portugal e projetou vários humoristas, onde participei em mais de 30 programas. A partir desse ano dediquei-me exclusivamente ao humor em variadas vertentes, quer a nível criativo, quer a nível da representação.
Fiz parte de muitos projetos, individualmente e em grupo, tais como espetáculos de Stand Up Comedy, peças teatrais, criação de sketchs e personagens, trabalhos específicos para a área das empresas e outras. Abrilhantei ainda muitos programas televisivos em vários canais, como no Porto Canal, RTP1, Canal2 e SIC. Além disto, e desde que comecei a trabalhar, dedico parte do meu tempo a preencher formulários e a envia-los para a Segurança Social, na tentativa de conseguir a pré-reforma.

Miguel Sete Estacas - Foto Facebook © Direitos Reservados

Miguel Sete Estacas – Foto Facebook © Direitos Reservados

OSVALDO BARROS
Com dez anos de carreira, o comediante Osvaldo Barros viaja por todo o Brasil com o seu espetáculo “Meu Álbum de Família” (solo de stand up comedy) e com o show em grupo “JOE Stand up comedy”. Participa em grandes festivais brasileiros, como o Risadaria e a Virada Cultural Paulista. Na TV, já esteve no Programa do Jô, Raul Gil, A praça é nossa, entre outros programas. Osvaldo é formado em Comunicação Social pela Universidade de Sorocaba-SP e em Artes Cênicas pelo Conservatório de Tatuí-SP.

– SEGUNDA NOITE, DIA 4 DE OUTUBRO

JEL
Nuno Duarte aka Jel é um comediante, músico e realizador de Lisboa. Tornou-se uma figura popular pelas suas personagens provocadoras e transgressivas primeiro no programa da RTP 2 Revolta dos Pasteis de Nata e depois pelo mitico Vai Tudo Abaixo da Sic Radical. Ruce o agarrado orgulhoso, Carlinhos o machista Gay, Kalashnikov e sobretudo os Homens da Luta são ainda hoje referências incontornáveis da comédia feita em portugal no sec 21. Nos últimos anos tem se dedicado mais à realização de documentários tanto para a SIC como para a RTP mas o bichinho da comédia nunca o largou e recentemente tem se aventurado nas lides do Satnd Up Comedy.

Jel - Foto Facebook © Direitos Reservados

Jel – Foto Facebook © Direitos Reservados

TOM RHODES
Tom Rhodes é um comediante, com atuações por todo o mundo, a celebrar 30 anos de carreira. O The New York Times descreve-o como “Um natural intelectual com especial inclinação para captar as duras etapas da vida com um negro e absurdo cinismo otimista”.
Um aventureiro a construir o seu próprio caminho, Rhodes construiu uma carreira que não só inclui especiais de stand-up, uma sitcom, um programa de viagens, um talk show noturno, variados CD’s e DVD’s, um aclamado podcast (Tom Rhodes Radio), mas também um escritor de viagens para o Huffington Post.
Acaba de lançar o seu especial de stand-up Light Sweet Crude, na Netflix. Em 2014, participou no programa Comedy Underground com Dave Attel. Em 2012, Rhodes foi incluídos na série de especiais de stand-up do canal Showtime intitulada “Live From Amesterdam”. Os seus três especiais de meia-hora foram apresentados na Comedy Central. Teve a sua própria sitcom na NBC chamada Mr.Rhodes (1996-1997), um talk- show na televisão holandesa Kevin Masters starring Tom Rhodes (2002-2003) e viajou o mundo como apresentador do programa de viagem holandês Yorin Travel (2004).
O seu podcast Tom Rhodes Radio foi nomeado um dos melhores dez podcasts de 2011, pela Matador Network, e foi celebrado como uma das melhores estreias neste género The Onion. Em 2013, O seu podcast juntou-se ao das duas lendas Bill Burr e Al Madrigal na plataforma All Things Comedy.
Foi convidado dos podcasts The Joe Rogan Experience, The Adam Corolla Show, Marc Maron’s WTF, Aisha Tyler’s Girl on Guy, London Real, The Artie Lange Show, Ron&Fez Show, NPR Snap Judgment.

Tom Rhodes.net © Direitos Reservados

Tom Rhodes.net © Direitos Reservados

BARRY FERNS
Barry Ferns é um premiado comediante que tem uma carreira de stand-up e sketch comedy com mais de quinze anos. O seu percurso, fortemente ligado à BBC, já o levou a atuar em vários lugares do globo.
Foi apenas o segundo comediante britânico da história cujo talento como MC inspirou a criação de um comedy club: o Angel Comedy Club. Nomeado para melhor clube de comédia em Londres, entre 2015 e 2017, pelo TripAdvisor.
Venceu uma das prestiadas categorias (Spirit of The Festival) do festival de Edinburgo.

DARIUS TABAI
Darius Tabai é um comediante de storytelling e MC baseado em Londres.
Os seus trabalhos assentam na sua origem irano- galesa e nas dificuldades de crescimento no Reino Unido assim como a sua experiência como pai, divorciado, de duas filhas. O seu stand-up reflete visceralmente uma perspetiva honesta sobre os cantos mais recônditos da vida humana.
Já trabalhou com o realizador John Gordillo e costuma participar em noites de humor e storytelling, em Londes e por todo o Reino Unido.
Prepara-se, atualmente, para levar a cena um espetáculo no Edinburgh Fringe Festival com os colegas André de Freitas e Rui Sinel de Cordes.

ANDRÉ DE FREITAS
André De Freitas é um comediante português que vive e trabalha em Londres. Com apenas 23 anos, o André já atuou em cidades pelo mundo inteiro, tal como Los Angeles, Londres, Manchester, Edimburgo, Barcelona. Este ano, o André fez tour support para o London Eyes tour do Rui Sinel de Cordes e vai levar o seu primeiro show ao Edinburgh Fringe festival. O André tem sido apontado como uma das maiores promessas no circuito internacional.

CATARINA MATOS
Catarina Matos formou-se em Psicologia e foi criativa publicitária nas maiores agências portuguesas durante 10 anos. Uma mudança repentina de vida obrigou-a a mudar-se para o Brasil, em 2012 (leia-se “crise no mercado publicitário português”).
Aproveitou a mudança de vida para seguir um sonho antigo: fazer, escrever e atuar na área do humor. Passados apenas 5 dias de chegar a São Paulo, estreou-se no stand up num teatro com lotação esgotada, ao lado dos maiores nomes do humor brasileiro. Nesse mesmo ano, foi finalista do concurso Kitsch Club, de novos talentos do humor. Ainda em São Paulo, atuou e produziu uma noite semanal de stand up comedy em inglês. Em Brasília, estudou teatro dramático, onde esteve em cena com textos da sua autoria. Durante estes quatro anos no Brasil, foi convidada para atuar em várias cidades do país, festivais de humor e canais de internet.
Novos acontecimentos levaram-na a mudar-se para Berlim, onde continuou a fazer stand up em inglês e continua a escrever no Twitter, onde tem mais de cinquenta e cinco mil seguidores. Lançou um livro de one liners chamado Tuitário.
Recentemente votou a morar em Portugal e faz espetáculos em salas nacionais, mostrando o seu amor pela arte de fazer one liners.
Foi a primeira humorista portuguesa a fazer stand up no canal Comedy Central.

Catarina Matos © Direitos Reservados

Catarina Matos © Direitos Reservados

Comentários

Poderá também gostar de

Regressar ao topo

Partilhe esta página