McNamara Nazaré
Publicado em Outubro 10, 2013

Garrett McNamara na Nazaré

Centro/ Notícias/ Portugal [ Nazaré/ Surf ]

Em 2011 Garrett McNamara pôs o nome da Nazaré a rodar o mundo. Uma onda de quase 30 metros foi surfada por este norte-americano e a imagem correu o planeta.

Depois daquela onda, que entrou para o Guiness, o surfista norte-americano apanhou uma outra, em janeiro deste ano, que foi capa de jornais e revistas. E agora está de volta para a quarta edição do projeto Zon North Canyon Show, que explora as ondas da Nazaré.

A passagem do americano por terras portuguesas não é nada casual. Quando lhe mostraram fotografias das ondas da Nazaré, McNamara, habituado a cavalgar ondas gigantes, sentiu que tinha que vir a Portugal.

Desde que surfou a onda gigante, e a mostrou ao mundo, a Nazaré nunca mais foi a mesma.Por isso, não é de admirar que, cada vez mais, venham turistas de propósito para surfar em águas portuguesas.

Kelly Slater – um dos maiores surfistas profissionais do mundo – está agora na Nazaré e a surfar sozinho… Algo que pode ser visto neste vídeo:

A Nazaré é agora um local incontornável do surf em Portugal, principalmente para os mais destemidos. E quando falamos em destemidos incluímos lá o nome de McNamara. O mesmo homem que foi surfar para o Alasca.

Garrett McNamara Nazaré

Garrett McNamara Nazaré

E, neste momento deve estar o leitor a perguntar: “mas existem ondas no Alasca?”. Não, não existem. Mas McNamara foi surfar em ondas produzidas pela queda de blocos de gelos dos glaciares. Disse-me numa entrevista que tinha sido uma loucura… “uma loucura que não voltava a repetir”.

O Canhão da Nazaré é  o fenómeno natural que proporciona ondas gigantes. No que consiste? De acordo com o Instituto Hidrográfico da Marinha Portuguesa – que mantém um estudo permanente no local com bóias de monitorização – «a proximidade do canhão da Nazaré à Praia do Norte promove uma situação de empolamento com intensidade significativa». isso mais o vento e ondulação certos fazem com que surjam ondas de fazer muitos surfistas sonharem com elas.

O Canhão da Nazaré é um acidente geomorfológico raro, tido como o maior da Europa e um dos maiores do mundo. O “canhão da Nazaré é uma falha na placa continental com cerca de 170 quilómetros de comprimento e que atinge os cinco quilómetros de profundidade. Está localizado em frente à Praia do Norte e canaliza a ondulação do oceano Atlântico para esta praia praticamente sem obstáculos, proporcionando a criação de ondas com um tamanho fora do normal, por comparação com a restante costa portuguesa.”

Mais um vídeo que mostra as ondas da Nazaré:

Se quiserem saber toda a história podem ler tudo na reportagem que fiz com o Garrett McNamara em 2011. Basta seguir este link para a ler. 

Comentários

Poderá também gostar de

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Regressar ao topo

Partilhe esta página