Bolsas de viagem para voos longos © Viaje Comigo Bolsas de viagem para voos longos © Viaje Comigo
Publicado em Julho 19, 2018

13 objetos imprescindíveis para voos longos

Notícias/ Preparar a viagem [ Malas ]

Como sobreviver aos voos longos? Enquanto o teletransporte não chega, temos de fazer viagens de várias horas para chegarmos a certos destinos. Mesmo para quem gosta de voar, como é o meu caso – e cada vez gosto mais de voos diretos longos em vez de dois mais curtos – temos de levar uma série de objetos connosco, para que o tempo que estamos dentro do avião se torne menos penoso. Geralmente levo uma carteira maior ou mochila para levar comigo tudo isto que vou mostrar. E se tiver de levar o computador… ainda vou mais carregada. E como adoro (!) bolsas, levo umas três para dividir os itens que vou levar: higiene, eletrónica, documentos, etc.

Não se esqueça, também, de viajar com roupa e calçado confortáveis e não apertados, para que não tenha estrangulamento de veias, já que vai estar imensas horas sentado. E não se esqueça de se levantar, de vez em quando, para pôr tudo a circular, principalmente depois de comer e dormir. Lembre-se também que, nos voos longos, vão dar-lhe uma mantinha e uma pequena almofada.

Veja também aqui as 20 dicas para quem vai viajar pela primeira vez de avião.

Assim, há certos objectos que vão sempre comigo nos voos mais longos e todos têm objetivos e razões muito diversas. Quais são os vossos itens imprescindíveis nas viagens? Deixem as vossas dicas nos comentários.

Bolsas de viagem para voos longos © Viaje Comigo

Auscultadores, telemóvel, carregadores e adaptador – Bolsas de viagem para voos longos © Viaje Comigo

1 – Auscultadores

Já existem algumas companhias que o obrigam a pagar os auscultadores dentro do avião, o que significa que agora levo sempre os meus. Leve os do seu telemóvel para ouvir música – há quem prefira uns maiores, mas ocupa demasiado espaço. Depende dos gostos e eu levo sempre os pequeninos. Os aviões de longo curso costumam ter canais de música (os botões são geralmente no braço da cadeira), onde é só ligar os auscultadores para passar melhor o tempo ou simplesmente para não ouvir o vizinho do lado a ressonar. Pode também levar os tampões de ouvido…

Auscultadores - Foto: Pixabay

Auscultadores – Foto: Pixabay

2 – Livro, revista, iPad ou séries no telefone

Ainda nem todos os aviões de longo curso têm televisores individuais, o que é uma pena… Então, ou temos de franzir os olhos para ver o filme que está a passar duas filas à frente ou esticámos o pescoço porque a televisão está quase em cima de nós. O melhor é levar algo para se entreter – mesmo que não seja durante o voo, imagine que vai estar algum tempo à espera em aeroportos e terá algo com que passar o tempo – como revista, livro, em papel ou digital. Também pode gravar algumas das suas séries ou filmes e levar no iPad ou no próprio telefone, se tiver espaço.

Óculos de sol - DR Pixabay

Óculos de sol – DR Pixabay

3 – Óculos de sol e/ou protetor dos olhos

Para que preciso eu de óculos de sol dentro do avião? Sabe quando faz as viagens à noite e está a chegar ao destino e já é de dia? E, então, mandam-nos abrir todas as portadas das janelas e entra aquela luz direta do sol que até faz chorar? Ou pior… faz rugas. 😀 Pois, é por isso que levo sempre comigo os óculos de sol.

Também existem os protetores de olhos para evitar a luz quando estiver a dormir, mas quando estiver acordado, os óculos vão ser mais úteis.

4 – Lenço e meias

Já referi várias vezes que tenho (quase) sempre frio dentro dos aviões, por isso, um item imprescindível, para mim, é levar uma echarpe/lenço, para não ficar doente da garganta. Também levo meias mais confortáveis para os voos longos, para não dormir com os pés frios ou muito apertados. Se o leitor for tão friorento quanto eu… leve também um casaco, mesmo que vá para um destino com muito calor. Acredite que, uma vez o avião no ar, o ar da cabina desce ridiculamente e fica frio. Também costumam dar uma mantinha para se aconchegar.

Lenço e chapéu na mala © Viaje Comigo

A máquina fotográfica vai sempre comigo, claro, a tal écharpe também por causa do frio no avião e o chapéu… pode ir na mala 😀 © Viaje Comigo

5 – Uma garrafa de água vazia

Lembre-se sempre que um voo de poucas horas já desidrata imenso e um voo longo muito mais. Já em muitos aviões, antes de adormecermos, nos dão uma garrada de água para mantermos no nosso lugar, mas muitos ainda só nos dão copos de água, quando pedimos. Por isso, levo comigo sempre uma garrafa para evitar estar sempre a pedir água ou a ter de me levantar para o fazer. Com a garrafinha pequena, peço que ma encham para me ir hidratando durante a viagem.

6 – Bolsa com produtos de higiene

Levo sempre batom hidratante e um creme para colocar, pelo menos, nas mãos, que desidratam com imensa facilidade. Também levo o hidratante do rosto, pelo mesmo motivo. A minha pele fica logo muito seca. E desodorizante também é necessário. Perfume sinceramente acho que não se deve usar quando estamos dentro do avião… eu fico enjoada com o perfume que começam a pôr quando estamos ainda a 1 hora do destino. Se têm de pôr o perfume, ponham-no fora do avião!

Não costumo usar muito o desinfetante, mas há quem leve consigo um frasquinho pequeno. Uma vez uma médica disse-me: “imagine um avião cheio e algumas pessoas doentes lá dentro. É um antro de doenças”. Não sou de me impressionar, mas a imagem que me deu fez-me levar desinfetante nessa viagem. Depois nunca mais levei… mas se calhar devia. Levo toalhitas, pasta e escova dos dentes.

Ah! Levo sempre uma pequena lima, daquelas feitas de papel – as de metal não passam na segurança dos aeroportos, só podem ir na mala de porão – porque não há pior do que ir com uma unha lascada durante horas…

Também levo escova de cabelo (uma mais pequena do que o normal) e elásticos ou ganchos para prender o cabelo. Sou só eu que ganho eletricidade estática no cabelo, nos voos?

Bolsas de viagem para voos longos © Viaje Comigo

Produtos de higiene – Bolsas de viagem para voos longos © Viaje Comigo

7 – Bolsa com medicamentos

Se tem de tomar medicamentos diariamente não se esqueça de os levar consigo, mas mesmo que não tenha de o fazer todos os dias, leve sempre algo. Para uma dor de ouvidos – por causa da pressão do avião – ou de dentes, enxaqueca, etc.

Dizem também que se deverá tomar aspirina, antes do voo, já que ajuda a evitar coágulos no sangue… a minha médica aconselhou-me e tomo daquelas pequeninas, só quando faço viagens de avião.

Ah! Para não ter de levar as caixas dos medicamentos, escrevo no telefone o que corresponde a cada um. Quando corto a embalagem para levar só 2 ou 4 na viagem, muitas vezes estou a cortar o nome do medicamento e depois não me vou lembrar o que é, principalmente se precisar dele numa urgência, ou com dores… Então, escrevo nas notas do telemóvel, para que serve cada medicamento. Exemplo: embalagem verde para dores de garganta; embalagem com letras azuis que diz XPTO, para as dores de barriga; etc.

Bolsas de viagem para voos longos © Viaje Comigo

Medicamentos – Bolsas de viagem para voos longos © Viaje Comigo

8 – Almofada

Existem aquelas que se colocam à volta do pescoço e eu uso uma dessas mas de encher, ou seja, quando não a estou a usar, não ocupa espaço nenhum. Se aquelas fofinhas já são grandes… vejo muitas vezes pessoas com verdadeiras almofadas a embarcarem. Bem, se é isso que as faz dormir e relaxar… acho muito bem! Se tivesse a certeza que ao levar a minha almofada de casa ia dormir o voo todo… também ia mais carregada, sem problema nenhum. No avião costumam dar uma almofada pequenina e uma manta. Veja aqui as várias almofadas.

9 – Snacks saudáveis

É verdade que a comida dos aviões está a ficar cada vez melhor e muitos já colocam fruta como sobremesa, etc. Mas, se quiser pode levar fruta fresca consigo (nalguns países poderão não a vão deixar entrar com ela, por isso, coma-a durante o voo) ou frutos secos. Também pode levar uma sanduíche (coberta com papel de alumínio) mas atenção ao que coloca, porque pode apanhar muito calor e estragar algum produto. Eu tenho sempre fome nos voos longos. Às vezes, levo também gomas ou chocolates (mas, cuidado para que não derretam).

10 – Meias de compressão

Nem toda a gente usará, mas já vi muita gente com elas. Como tenho problemas de circulação sanguínea, coloco sempre as meias de compressão, antes do avião levantar, para não ter dores ou os pés incharem por estar tanto tempo sentada ou pela pressão, dentro do avião.

Bolsas de viagem para voos longos © Viaje Comigo

Protetor de olhos, meias, meias de compressão, almofada, medicamentos, chinelos, etc. Bolsas de viagem para voos longos © Viaje Comigo

11 – Carregadores

A maior parte dos aviões já tem uma tomada debaixo do assento, ou tomadas USB para carregar os seus aparelhos. LNo entanto, alguns não têm e eu levo sempre uma bateria externa. Leve também o seu adaptador de tomadas: eu tenho um para todas as tomadas do mundo e levo sempre comigo no avião, porque dá para carregar 3 aparelhos, ao mesmo tempo (tem 2 entradas USB). Existem outras que dão para 4 USB – compre aqui.

12 – Chinelos

Sabe aqueles chinelos de quarto de hotel, se se dobram e ficam pequeninos? Nos voos longos, eu levo sempre uns (que por acaso foram oferta de uma companhia aérea, a Turkish). Como disse, tenho problemas de circulação sanguínea e, se estou muitas horas sentada, os sapatos começam a apertar imenso, porque incham. Então, o meu segredo é levar esses chinelos. Deixem lá as vergonhas, se é para estarem um pouco mais confortáveis! As pessoas nem reparam que estou de chinelos e aconselho-vos vivamente a NUNCA irem à casa de banho só com meias…

13 – Caneta

Nos dias de hoje, já pouco escrevo com canetas, mas levo sempre uma comigo, principalmente porque temos de preencher os boletins de entrada, em certos países.

Levar caneta - Imagem: Pixabay

Levar caneta – Imagem: Pixabay

Comentários

Poderá também gostar de

Regressar ao topo

Partilhe esta página