Buda deitado - Penang - Malásia © Viaje Comigo Buda deitado - Penang - Malásia © Viaje Comigo
Publicado em Outubro 2, 2017

#275 O Buda Deitado em Penang, Malásia

Ásia/ Malásia [ Penang/ Uma fotografia por dia... ]

O Buda Deitado (Wat Chayamangkalaram) que existe na ilha de Penang, na Malásia, está dentro de um templo budista tailandês, que foi construído em 1845. Uns dizem que é o terceiro maior Buda Deitado do mundo, com 33 metros de comprimento, mas outros dirão que é o 14º maior. A entrada é livre e tem de deixar os sapatos junto da porta.

Buda Deitado - Penang - Malásia © Viaje Comigo

Buda Deitado – Penang – Malásia © Viaje Comigo

O templo tem outras estátuas no exterior, mas não as consegui ver a todas, porque estava a chover a potes quando esteve a visitar. O Buda Deitado está rodeado de dezenas de estátuas de Budas, todos em diferentes poses.

Buda Deitado - Penang - Malásia © Viaje Comigo

Buda Deitado – Penang – Malásia © Viaje Comigo

Buda Deitado - Penang - Malásia © Viaje Comigo

Buda Deitado – Penang – Malásia © Viaje Comigo

Atente nos pormenores da almofada de Buda Shakyamuni, que descansa no seu leito, na frente e principalmente por detrás. Muito bonita a pintura.

Se caminhar para as traseiras da grande estátua deitada vai descobrir inúmeros potes de cerâmica. São todos muitos bonitos, mas marcam a partida de alguém. Ou seja, guardam as cinzas de pessoas falecidas e que aqui estão junto de Buda, que também significa que, ao estar deitado, está morto e está em descanso.

Buda Deitado - Penang - Malásia © Viaje Comigo

Potes-urnas com cinzas Buda Deitado – Penang – Malásia © Viaje Comigo

Buda Deitado - Penang - Malásia © Viaje Comigo

Urnas com cinzas na parade atrás – Estátua junto do Buda Deitado – Penang – Malásia © Viaje Comigo

Urnas com cinzas na parade atrás - Estátua junto do Buda Deitado - Penang - Malásia © Viaje Comigo

Urnas com cinzas na parade atrás – Estátua junto do Buda Deitado – Penang – Malásia © Viaje Comigo

A sua pose – o Buda está deitado sobre o o seu lado direito e com a mão a segurar a cabeça – significa “Mahaparinirvana” (Iluminação ou Alcançar do Nirvana). Um meio-sorriso sereno é refletido na sua cara.

Buda Deitado - Penang - Malásia © Viaje Comigo

Buda Deitado – Penang – Malásia © Viaje Comigo

Li aqui que esta estátua não é suposto evocar tristeza. Pelo contrário, a serenidade que transmite encoraja “para se iluminar e alcançar a libertação dos sofrimentos que caracterizam o ciclo do renascimento”.

A construção do templo partiu de um monge budista, que tinha vindo da Tailândia. Reza a história que ele gostava de laksa e é por isso que muita gente vem aqui deixar como oferenda laksa, uma sopa tailandesa. Tem, também, muitos sacos de oferendas para os monges budistas.

Templo do Buda Deitado - Penang - Malásia © Viaje Comigo

Oferendas para os monjes budistas – Templo do Buda Deitado – Penang – Malásia © Viaje Comigo

Mesmo em frente a este está um outro templo, mas birmanês, o Dharmikarama – com um Buda em pé e mil pequenas estátuas de Buda nas paredes.

Templo do Buda Deitado - Penang - Malásia © Viaje Comigo

Templo do Buda Deitado – Penang – Malásia © Viaje Comigo

INFORMAÇÕES

Buda Deitado (Wat Chayamangkalaram) ou Reclining Buda
Morada: Lorong Burma, 17, Penang, Malásia

Templo do Buda Deitado - Penang - Malásia © Viaje Comigo

Urnas com cinzas – No Templo do Buda Deitado – Penang – Malásia © Viaje Comigo

Durante o ano de 2017 vou estar aqui, no Viaje Comigo, com este desafio de “Uma fotografia por dia”. A cada dia vão encontrar uma fotografia de viagem e a história que está por detrás da mesma.

Veja aqui outras imagens e outras histórias da rubrica “Uma fotografia por dia…”. Boas viagens!

Templo do Buda Deitado - Penang - Malásia © Viaje Comigo

Templo do Buda Deitado – Penang – Malásia © Viaje Comigo

Comentários

Poderá também gostar de

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Regressar ao topo

Partilhe esta página