Casas da Costa Nova, Aveiro © Viaje Comigo® Casas da Costa Nova, Aveiro © Viaje Comigo®
Publicado em Setembro 4, 2016

Costa Nova do Prado, Aveiro

Centro/ Portugal [ Aveiro/ Ílhavo ]

São as casas de riscas coloridas que se destacam, num correr de habitações frente à ria de Aveiro. Pitoresca e convidativa, a Costa Nova do Prado, em Ílhavo, é o local escolhido, devido à proximidade das praias, para as férias de muitos. Tem ainda aqui muitos restaurantes com os peixes e mariscos como especialidades.

Casa vermelha da Costa Nova, Aveiro © Viaje Comigo

Casa vermelha da Costa Nova, Aveiro © Viaje Comigo

O nome Costa Nova do Prado surgiu, no início do século XIX, para distinguir esta nova povoação piscatória da antiga, ou seja, da zona da praia de São Jacinto – que, até então, era usada pelos pescadores. “Prado” é acrescentado ao nome porque ali existia um local muito verdejante.

Casas da Costa Nova, Aveiro © Viaje Comigo

Casas da Costa Nova, Aveiro © Viaje Comigo

Quando foi feita a abertura da Barra de Aveiro, a 3 de abril de 1808, depois de estar encerrada por um cordão de dunas, durante um século, aquele tornou-se o meio menos perigoso de os pescadores entrarem no mar. Daí que aqui se tenham estabelecido, com os seus barcos.

Também altas figuras da sociedade vinham aqui a banhos para as praias, no período estival, e para passeios no campo. Por aqui passaram nomes conhecidos como os de Eça de Queirós, Guerra Junqueiro ou Oliveira Martins. Transformou-se esta zona numa estância balnear, que assim se manteve até aos dias de hoje, ainda que noutros moldes.

Em tempos, por volta de 1874, era tanta a vida na Costa Nova que, além de regatas, havia espetáculos em várias salas de teatro, exposições, palestras e salões com festas e bailes. Também se conta que, em meados do século XIX, terá existido um casino e dois cinemas. Era, como vêem, um local com muita animação.

Casas da Costa Nova, Aveiro © Viaje Comigo

Casas da Costa Nova, Aveiro © Viaje Comigo

Porque daqui partiam para o mar, os pescadores construíram palheiros, para guardarem os materiais de pesca e alfaias, e que também eram usados como armazéns de salga da sardinha. De palheiros passaram a ser as casas coloridas, que eram construídas com tábuas na horizontal, usando sobretudo a cor vermelha.

Casa da Costa Nova, Aveiro © Viaje Comigo

Casa da Costa Nova, Aveiro © Viaje Comigo

Se as casas de listas coloridas serviam originalmente para os pescadores guardarem os materiais de pesca, hoje em dia são usadas – principalmente na época mais quente – por quem não troca nem por nada a Costa Nova para descansar e passar férias.

Largo na Costa Nova, Aveiro © Viaje Comigo

Largo na Costa Nova, Aveiro © Viaje Comigo

O que pode fazer por perto?

– Nas praias da Vagueira ou de Mira pode assistir à Arte Xávega. O que é? Uma arte antiga de pesca, realizada de forma artesanal e em que as redes de pesca são puxadas por parelhas de bois.

– Mercado do peixe da Costa Nova: com a venda do peixe e marisco fresco da Ria ou do Mar, que fica na Rua de José Estêvão, Praia da Costa Nova.
Google Maps: 40.611104, -8.749666‎
GPS: 40° 36′ 39.97″ N, 8° 44′ 58.80″ W
Horário: encerra à segunda-feira; Verão (1 de junho a 30 de setembro) das 08h00 às 20h00; Inverno (1 de outubro a 21 de maio): 08h00 às 13h30 (terça a sexta-feira) / 08h00 às 18h00 (sábado, domingo e feriados)

– Pode caminhar, correr ou andar de bicicleta num passadiço e ciclovia junto da ria de Aveiro – que liga a Ponte da Barra à Praia da Barra e à Praia da Vagueira.

– Nas praias há desportos aquáticos variados, como surf, canoagem, kitesurf, etc.

– Diz-se que, foi por aqui que nasceu a tradição da Tripa, daí que na marginal se multipliquem os quiosques que vendem esta doçaria (feita da chamada bolacha americana), com recheios variados.

Casinhas da Costa Nova, Aveiro © Viaje Comigo

Casinhas da Costa Nova, Aveiro © Viaje Comigo

– Agenda de eventos: Festival de Marisco da Costa Nova (na primeira semana de agosto); Festa da Nossa Senhora da Saúde (último domingo de setembro)

– Golfe ou minigolfe
Campo de minigolfe do Parque Illiabum
Avenida 25 de Abril, Ílhavo
Telefone: (+351) 234 325 911

Campo de minigolfe da Costa Nova
Avenida José Estêvão, Praia da Costa Nova, Ílhavo
Telefone: (+351) 917 081 841

Campo de minigolfe do Parque de Campismo e Caravanismo da Barra
Rua Diogo Cão, 125, Praia da Barra
Telefone: (+351) 234 369 425

– Passeios de barco na Ria ou no mar (informações aqui)

– Farol da Praia da Barra é o mais alto farol português

– No Museu Marítimo de Ílhavo, conheça o Vouga, barco de recreio e lazer e a única classe portuguesa de vela

ONDE FICAR ALOJADO NA COSTA NOVA

Há hotéis, casas típicas e apartamentos para alugar  na Costa Nova.
Pode pesquisar aqui os alojamentos na Costa Nova.

Casa amarela da Costa Nova, Aveiro © Viaje Comigo

Casa amarela da Costa Nova, Aveiro © Viaje Comigo

Cataplana do Canastra do Fidalgo, Costa Nova © Viaje Comigo

Cataplana do Canastra do Fidalgo, Costa Nova © Viaje Comigo

ONDE COMER?

Em toda a marginal, virados para a ria, estão inúmeros restaurantes. Apesar de o Dóri ser um dos mais conhecidos, fomos experimentar a Canastra do Fidalgo. Experimentámos uma cataplana de marisco (também há de polvo ou de bacalhau) e terminámos com uma caseira mousse de chocolate (deliciosa) e panacotta com molho de frutos vermelhos. Nas entradas: queijo, paio, azeitonas, camarões e diferentes pães. Gostamos e havemos de voltar.

Mesa do Canastra do Fidalgo, Costa Nova © Viaje Comigo

Mesa do Canastra do Fidalgo, Costa Nova © Viaje Comigo

Sala do Canastra do Fidalgo, Costa Nova © Viaje Comigo

Sala do Canastra do Fidalgo, Costa Nova © Viaje Comigo

INFORMAÇÕES

Restaurante Canastra do Fidalgo
Avenida José Estevão 240, Costa Nova
Telefone: +351 234 394 859
Preço médio: 25€

Panacotta no Canastra do Fidalgo, Costa Nova © Viaje Comigo

Panacotta no Canastra do Fidalgo, Costa Nova © Viaje Comigo

Mousse de chocolate -Canastra do Fidalgo, Costa Nova © Viaje Comigo

Mousse de chocolate -Canastra do Fidalgo, Costa Nova © Viaje Comigo

Casas da Costa Nova, Aveiro © Viaje Comigo

Casas da Costa Nova, Aveiro © Viaje Comigo

Comentários

Poderá também gostar de

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Regressar ao topo

Partilhe esta página